Por Mara Nascimento

No próximo dia 14 de dezembro às 18h30 a Rede Evangélica Nacional de Ação Social em parceria com a Convenção Batista do Tocantins – CBT receberão na 206 Sul, Alameda 12, Lote 81 em Palmas-TO as instituições, grupos, associações, igrejas e demais entidades evangélicas que atuam com projetos e ações sociais.

Para participar, os responsáveis pelas instituições devem entrar em contato com Dorothea Luz pelo telefone: 63 8511-6909 ou compareçam no dia da reunião.

A reunião acontecerá em Palmas-TO e deve reunir as instituições que estão atuando na área social e querem fazer parte da Renas - Rede Evangélica Nacional de Ação Social.
A reunião acontecerá em Palmas-TO e deve reunir as instituições que estão atuando na área social e querem fazer parte da Renas – Rede Evangélica Nacional de Ação Social.

O objetivo da reunião é mostrar como as instituições podem trabalhar de forma organizada e em rede, os caminhos para o treinamento de equipes para o trabalho e implantação de ações sociais, com planejamento e objetivos específicos, dentre outros assuntos que são de interesse dessas instituições. “Não só em Palmas, mas em todo o Tocantins as igrejas evangélicas têm a visão do trabalho social. Nosso foco por meio dessas ações é alcançar vidas para o Reino, mas para que isso aconteça de forma eficaz é preciso nos munirmos de informações. As ações sociais podem ser bem mais produtivas e com isso, muitos mais frutos poderão ser colhidos”, declara o pastor Orbásio Almeida, coordenador de Ação Social da Convenção Batista do Tocantins.

VEJA TAMBÉM
Passar por 4 abortos espontâneos fez Fernanda Brum lutar contra o aborto

Projetos

Projetos como Jovens de Valor, Brigada Luz, Café da Amizade, Clínicas Missionárias, Lar Batista F.F. Soren, dentre outros projetos realizadas por várias denominações evangélicas estão em todo o Estado do Tocantins apoiando, agindo e cuidando de pessoas em situação de vulnerabilidade social, além de estarem levando uma palavra de esperança.

A reunião é a oportunidade de serem catalogadas as instituições para ter uma estimativa dessa grande rede, de onde se localizam os projetos e de que forma têm atuado.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal.