cunhaevangelicos

Integrantes da bancada evangélica da Câmara, onde Eduardo Cunha sempre teve força, começam a dar sinais que não deverão sustentar o presidente da Casa em 2016, informou Severino Motta, da coluna Radar de Veja.

Motta diz na nota que segundo um dos integrantes da Frente Parlamentar Evangélica o informou, “não é possível acender uma vela para Deus e outra para Cunha ao mesmo tempo”.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal.