Morreu nesta quarta-feira (24), vítima de um câncer no cérebro, o  pastor Sillas Vieira, de  69 anos. Ele esteve à frente da Igreja Batista de Santo Antônio, em Vitória, por 26 anos.

Segundo o presidente da Associação de Pastores Evangélicos da Grande Vitória, pastor  Enoque de Castro Pereira, a doença foi descoberta durante uma viagem. “Ele aposentou e se jubilou da igreja para estar mais com a família. E foi na viagem que ele começou a apresentar sintomas, como esquecimentos e pausas ao falar.”

hkr2hg45adzkhc55o5di5qj11908427

Exames comprovaram a doença, e ele entrou em processo de radioterapia, passou por uma cirurgia de emergência e se preparava para as sessões de quimioterapia.

Após apresentar complicações, foi hospitalizado e fez tratamentos no Rio de Janeiro. Na semana passada, retornou a Vitória e foi internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Evangélico, onde faleceu.

Vieira se destacou como representante do Conselho de Segurança Alimentar e Nutricional (Consea), ligado ao Programa Fome Zero, e por mais de dez anos presidiu a Associação de Pastores Evangélicos da Grande Vitória.

VEJA TAMBÉM
"Curva da morte": Trágico acidente vitima pastor batista no AM

Na vida pública, foi subsecretário de Ação Social, na gestão do ex-prefeito João Coser (PT) e concorreu ao cargo de vice-prefeito de Vitória na chapa do então deputado estadual Nilton Baiano (PP).

Com informações G1

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal.