Morreu nesta quarta-feira (24), vítima de um câncer no cérebro, o  pastor Sillas Vieira, de  69 anos. Ele esteve à frente da Igreja Batista de Santo Antônio, em Vitória, por 26 anos.

Segundo o presidente da Associação de Pastores Evangélicos da Grande Vitória, pastor  Enoque de Castro Pereira, a doença foi descoberta durante uma viagem. “Ele aposentou e se jubilou da igreja para estar mais com a família. E foi na viagem que ele começou a apresentar sintomas, como esquecimentos e pausas ao falar.”

hkr2hg45adzkhc55o5di5qj11908427

Exames comprovaram a doença, e ele entrou em processo de radioterapia, passou por uma cirurgia de emergência e se preparava para as sessões de quimioterapia.

Após apresentar complicações, foi hospitalizado e fez tratamentos no Rio de Janeiro. Na semana passada, retornou a Vitória e foi internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Evangélico, onde faleceu.

Vieira se destacou como representante do Conselho de Segurança Alimentar e Nutricional (Consea), ligado ao Programa Fome Zero, e por mais de dez anos presidiu a Associação de Pastores Evangélicos da Grande Vitória.

VEJA TAMBÉM
Cantor gospel Edwin Hawkins, interprete de 'Oh, happy day', morre aos 74 anos

Na vida pública, foi subsecretário de Ação Social, na gestão do ex-prefeito João Coser (PT) e concorreu ao cargo de vice-prefeito de Vitória na chapa do então deputado estadual Nilton Baiano (PP).

Com informações G1