O presidente do Consórcio e anfitrião do encontro, o governador goiano Marconi Perillo, destacou que avanços já estão sendo alcançados a partir dos encontros do Fórum
O presidente do Consórcio e anfitrião do encontro, o governador goiano Marconi Perillo, destacou que avanços já estão sendo alcançados a partir dos encontros do Fórum

Os governadores  dos estados da região Centro-Oeste, além do Tocantins e Rondônia,  reuniram-se no 7ª Fórum de Governadores do Brasil Central, em Goiânia (GO), na manhã desta sexta-feira, 4. Em pauta, discussões sobre projetos de interesse comum aos envolvidos. Integrante do grupo, o governador Marcelo  Miranda solicitou atenção especial para a logística dos estados envolvidos, defendeu intercâmbio entre os corredores modais que contemplam os estados que compõem o Fórum e pediu prioridade para as eclusas, obras que viabilizarão o transporte hidroviário.

“No Tocantins, temos, hoje, quatro usinas hidrelétricas construídas sem as eclusas.  Temos condições de oferecer mais de mil quilômetros de navegabilidade nos nossos rios e agora estamos trabalhando na derrocada do Pedral de Lourenço, perto de Marabá”, justificou o governador ao defender a inserção do assunto nas reuniões do Brasil Central.  Em seguida, ele pediu apoio dos governadores para que defendam a prioridade da hidrovia Tocantins. “Com a efetivação dos nossos modais, o Tocantins – por estar localizado no centro do País – permitirá melhor acesso, de forma que possamos reduzir o preço dos produtos a serem exportados”, defendeu.

VEJA TAMBÉM
Governador do TO entrega 259 cisternas em São Salvador

A integração logística entre o Centro-Oeste e o Norte, a integração e o desenvolvimento regional e o impacto das taxas de juros nos estados dominaram as discussões. Nesta edição, foram apresentadas palestras com temas de interesse dos envolvidos. Dentre elas, uma sobre Economia Criativa, em que o especialista Ronaldo Lemos, destacou “o potencial cultural do grupo pode ser melhor explorado”.

Representando a Confederação Nacional das Indústrias, Oliver Girard apresentou estudo sobre a integração logística do Centro-Oeste e do Norte. Na sua fala, ele reforçou a importância da implementação das hidrovias no Tocantins, reforçando a ideia defendida pelo governador Marcelo Miranda.

Outro setor que foi apresentado foi o da segurança pública dos estados. Foi proposto que cada unidade conte com um setor de inteligência que possa trabalhar de forma integrada com os demais. O presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Luciano Coutinho, destacou a possibilidade de cooperação por meio do banco. “Coloco aqui o BNDES à disposição do Consórcio Brasil Central, para contribuir com seus projetos”, disse.

Avanços

O presidente  do Consórcio Interestadual de Desenvolvimento do Brasil Central e anfitrião do encontro, o governador goiano Marconi Perillo – escolhido em novembro, na reunião de Brasília (DF) – destacou os avanços alcançados a partir dos encontros do Fórum. “Desde o nosso primeiro encontro, já demos importantes passos, o nosso Consórcio está formalizado, e já começamos a dar andamento aos nossos primeiros projetos”, pontuou.

VEJA TAMBÉM
Marcelo Miranda quer autorização para realizar empréstimo de R$ 600 milhões

Brasília

Após o encontro, os governadores seguiram para Brasília, onde serão recebidos pela presidente Dilma Rousseff para discutir o alongamento  da dívida dos estados com o Tesouro Nacional. Na reunião, prevista para as 16 horas, será apresentada proposta técnica de alongamento da dívida e as contrapartidas que serão exigidas em troca. Os governadores também entregarão, à presidente, documento assinado por eles, abordando de questões relacionadas à segurança.

Convidados

Além dos gestores dos estados que compõe o Fórum: Tocantins, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Distrito Federal e de Rondônia, também participou do encontro, o vice-governador do Maranhão, Carlos Brandão; que demonstrou total interesse em compor o grupo, dependendo agora da votação dos membros atuais para definir a entrada. Também participou como convidado, o governador do Amazonas, José Melo de Oliveira.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal.