samuel-camara-jm
Pastor Samuel Câmara lança no ES pré-canditaura oficial à CGADB

Da Redação JM Notícia – Ricardo Costa

Acontece nos dias 08 e 09 de abril, em Cariacica, no Estado do Espirito Santo, o lançamento da pré-candidatura do pastor Samuel Câmara à presidência da Convenção Geral das Assembleias de Deus no Brasil (CGADB). A informação foi confirmada ao JM Notícia, na manhã desta terça-feira (08), pelo presidente da Convenção das Assembleias de Deus no Estado do Espirito Santo (CONFRATERES), pastor Ivan Bastos, tesoureiro da CGADB.

Questionado pelo JM Notícia, se será candidato à presidência da CGADB, pastor Samuel Câmara resumiu a sua resposta em Tiago 4:15 “Em lugar do que devíeis dizer: Se o Senhor quiser, e se vivermos, faremos isto ou aquilo”.

O lançamento da pré-candidatura acontecerá durante a 73ª  Assembleia Geral Ordinária da Confrateres, que deve reunir milhares de convencionais do Estado do Espirito Santos e  estados vizinhos.

Campanha

Pr. Welligton Júnior, pré-candidato à CGADB
Pr. Welligton Júnior, pré-candidato à CGADB

Quem tem viajado o país em pré-campanha, é o presidente da Casa Publicadoras das Assembleias de Deus (CPADB), pastor José Wellington Júnior. Ele tem participado de diversas AGOs  em vários estados e costurado apoio à sua candidatura. Recentemente em entrevista ao JM Notícia, o líder da Convenção do Sul do Maranhão (Comadesma), pastor José Alves Cavalcante afirmou que seu voto será do pastor José Wellington Júnior.

VEJA TAMBÉM
Wellington Junior é empossado presidente da CGADB

Tocantins

No Tocantins, Wellington Júnior sai na frente. Atualmente conta com o apoio da Ciadseta-TO, Coimadetins, ainda em processo de recebimento junto a CGADB, AD Missão ligada a Comadegb, do pastor Orcival Xavier.

Nova regra

Diferente das demais eleições, a votação em 2017 acontecerá em cada estado, por votação online, todos os que forem credenciados e estiverem em dia com sua anuidade junto à CGADB poderão votar pela internet. A entidade contratará, vias regrais legais e de fiscalização, uma empresa para gerenciar o processo eleitoral.

O acesso será pelo site e as instruções deverão ser pela CGADB.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal.