Suposta formação de cartel será investigada pelos deputados Foto: Koró Rocha
Suposta formação de cartel será investigada pelos deputados Foto: Koró Rocha

Os mecanismos que determinam os preços dos combustíveis praticados no Estado serão investigados por uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) na Assembleia Legislativa. A proposta do deputado Valdemar Junior, assinada pela maioria dos parlamentares, foi acatada pela Mesa Diretora, na sessão vespertina desta quarta-feira, dia 9.

O presidente desta Casa de Leis, deputado Osires Damaso (DEM), solicitou aos líderes dos blocos e partidos a indicação dos oito membros para compor a Comissão no prazo de dois dias. Além disso, conforme dispõe o Regimento Interno, a CPI terá o prazo de 120 dias, prorrogáveis por mais 60 dias, para concluir os trabalhos.

Conforme o requerimento, os principais pontos a serem investigados pela CPI são: a margem excessiva de lucros dos postos e distribuidoras; a diferença dos preços praticados entre os postos da Capital e do interior do Estado; denúncias de formação de cartel, falta de concorrência entre os postos da Capital, que praticam preços semelhantes, e o motivo do preço dos combustíveis em Palmas ser o maior entre todas as capitais do Brasil.(Penaforte)

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal.