Da Redação JM Notícia

DSC_3146-300x199
(Foto: Ezequias Araújo) Sessão desta terça-feira, 05, na Câmara Municipal.

Os destaques das discussões na sessão da Câmara Municipal, desta terça- feria, 05, foram  sobre a insegurança no Estado e a não convocação dos aprovados dos concursos públicos em andamento. Alguns vereadores usaram a tribuna também para confirmar filiações partidárias.

O vereador Joaquim Maia afirmou que tem recebido mensagens de indignação por parte de alguns aprovados nos concursos do Quadro Geral e da Defesa Social, e nos concursos da prefeitura em andamento, e comentou que o Estado precisa tomar providências para resolver a situação.

“A gestão mostra desinteresse em contratar. Não estou dizendo que seja obrigação do prefeito de convocá-los, mas ele está deixando que, no futuro, essas pessoas não tenham condições de serem contratadas mais, e depois terá a necessidade  de fazer outros concursos públicos, sendo que poderiam ocupar os cargos agora”, disse.

Lúcio Campelo, ao concordar com Joaquim Maia, afirmou que “a gestão não tem dinheiro para pagar servidor, mas saca dinheiro para pagar luzes de natal e coelhinhos de páscoa”.

VEJA TAMBÉM
Educação leva alunos do TO para Encontro Nacional de Casas de Estudantes realizado no RS
DSC_3134-300x199
(Foto: Ezequias Araújo) Vereadores discutem falta de segurança no Estado.

Hiram Gomes, Claudemir Portugal e Major Negreiros chamaram atenção para a falta de segurança no Estado.

“Até quando as pessoas continuarão morrendo, se sentido inseguras para pegar um ônibus em suas cidades?”, questionou Hiram Gomes. Gomes cobrou ações efetivas de combate ao crime por parte do Governo do Estado. “Alguma coisa tem que ser feita”, disse, recebendo o apoio dos vereadores Claudemir Portugal (PPS) e Major Negreiros (PSB).

Portugal lembrou as recentes mortes de dois policiais militares, em Palmas e em Colinas, durante ações de combate ao crime, e relatou casos de assaltos ocorridos no fim de semana em bairros da Capital.

“Bandido bom é bandido morto. É perigoso até os bandidos de outros estados virem atuar aqui porque aqui o negócio é fácil”, comentou Juscelino Rodrigues.

FILIAÇÕES

Ainda na sessão, os vereadores Milton Neris e Major Negreiros usaram a tribuna para falar sobre filiação partidária. Enquanto Neris anunciou filiação ao PP- Partido Progressista, Negreiros confirmou integrar os quadros do PSB- Partido Socialista Brasileiro.

VEJA TAMBÉM
Abertura da Ebadetins|Enoadetins reúne centenas de obreiros em Porto Nacional

Com a filiação, Milton Neris solicitou a reintegração do PP na composição dos blocos parlamentares da Câmara. Já o Major Negreiros reafirmou sua posição de aliado da gestão da Capital.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal.