20160407081538
(Reprodução PB Agora) ‘Irmão Elias’ era vigia em uma propriedade no sul da Paraíba.

A população de Cupissura, distrito de Caaporã no Litoral Sul da Paraíba, está consternada com o brutal assassinato do vigilante Elias Luiz de Souza, conhecido como Irmão Elias.

A vítima que trabalhava como vigilante em uma propriedade na comunidade Retirada, foi encontrada morta com marcas de tiros e cortes de faca, na manhã desta quarta-feira (06) e teve sua arma, uma espingarda calibre 12 roubada.

O crime consternou a população, pois segundo os moradores o Irmão Elias era um homem trabalhador, fiel da igreja Assembleia de Deus. “Mais um homem bom que se vai, enquanto isso os bandidos estão na rua. Estamos com muito medo, dessa onda de violência”, disse um parente.

O sepultamento do Irmão Elias será realizado nesta quinta-feira (07), às 9h, no cemitério de Caaporã. O corpo está sendo velado na igreja evangélica Assembleia de Deus, na comunidade Retirada. As informações são do portal do Litoral PB

VEJA TAMBÉM
Chacina em MT: Pastor assembleiano foi o mais torturado, diz polícia

Informações PB Agora

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal.