69d77f96-b023-4f49-88de-b7c1d4b48376
(Divulgação) Presidente do PSC Jovem de Palmas, José Leonardo Correia.

O presidente do PSC Jovem de Palmas, José Leonardo Correia, está alertando a juventude do Tocantins quanto ao prazo para alistamento eleitoral e transferência que termina no dia 4 de maio. “Os jovens de 16 e 17 anos que pretendam votar nas eleições municipais de 2016 não devem deixar para a última hora para tirar seu título no cartório eleitoral ou solicitar transferência de município, em caso de mudança de localidade”, frisou.

O alistamento eleitoral e o voto são obrigatórios para os maiores de 18 anos e facultativos para os analfabetos, os maiores de 70 anos e os maiores de 16 e menores de 18 anos, conforme o artigo 14 da Constituição Federal. Pode se inscrever para votar o jovem que completar 16 anos até o dia da eleição, em 2 de outubro.

De acordo com José Leonardo o cenário político atual é crítico, porém, acredita que os jovens podem ajudar a  promover a mudança. “Participe, escolhendo bem,exercendo sua cidadania. A juventude não pode ficar de fora desse processo.Se as pessoas se isentarem será impossível haver mudança.Tem uma frase de Martin Luther King, que diz que, “o que assusta não é o grito dos maus, mas o silêncio dos bons”. Estamos vendo muitas pessoas boas deixando de participar, se isentando desse processo”, disse.

VEJA TAMBÉM
Criador do jogo ‘Baleia Azul’ diz que estava ‘limpando o lixo da sociedade’

Esta também é a data final para o eleitor que mudou de residência dentro do mesmo município pedir a alteração de endereço no seu título eleitoral. O prazo vale, ainda, para que o eleitor com deficiência ou mobilidade reduzida solicite sua transferência para uma seção eleitoral especial, a fim de que possa exercer o direito ao voto com mais tranquilidade e sem obstáculos de ordem urbana.

A Justiça Eleitoral informou que após o dia 4 de maio, todo o sistema de Tecnologia da Informação da Justiça Eleitoral será fechado para formatação dos dados relativos às eleições de 2016.

Documentos

Quem for tirar o título de eleitor pela primeira vez deve comparecer ao cartório eleitoral com documento de identificação com foto, comprovante de residência recente e comprovante de quitação militar para os homens. A Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e o novo modelo de passaporte não são aceitos para efeito de inscrição eleitoral.

No caso de transferência, o cidadão deve levar o título de eleitor, comprovantes de votação ou de justificativa feita em eleições anteriores, documento de identificação e comprovante de residência recente.

VEJA TAMBÉM
Seminário destaca o papel da família na prevenção de suicídio entre adolescentes

PSC no Tocantins

José Leonardo Correia, mais conhecido como “Kurumim”, também faz parte do Conselho Municipal da Juventude, representando a juventude evangélica de Palmas. Ele falou sobre a ascensão do Partido Social Cristão e conclamou a juventude a fazer parte do projeto. “Quero convidar os jovens que acreditam e querem fazer parte da mudança a vir se filiar no PSC, um partido que tem princípios cristãos e valoriza a família.”

Ascom

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal.