Secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-Moon, ladeado por Jim Kim e Ségolène Royal Divulgação
Secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-Moon, ladeado por Jim Kim e Ségolène Royal
Divulgação

O prefeito Carlos Amastha está em Washington (EUA) participando da conferência Climate Action 2016, cuja programação acontece nesta quinta e sexta, 05 e 06. O evento está amparado pelas decisões tomadas na Conferência do Clima (Cop 21) realizada em Paris (França), em dezembro de 2015, na qual líderes mundiais estabeleceram um acordo para reforçar a intervenção dos governos locais visando à redução da emissão de gases de efeito estufa e suas conseqüências climáticas, como o aumento da temperatura global em 2ºC até 2100.

 A Climate Action 2016 é uma cúpula multilateral que vai ajudar a definir a trajetória para a implementação do clima no período pré-2020, em apoio ao Acordo de Paris. O evento reúne uma ampla seção transversal de líderes ao longo de dois dias, para injetar um novo impulso e coerência no sistema de múltiplas partes interessadas, antes da COP-22 em Marraqueshe (Marrocos). Os participantes vão fazer acordos e anúncios para implementar as medidas necessárias.

 O evento foi aberto pelo secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-Moon; pelo presidente do Grupo do Banco Mundial, Jim Yong Kim; e a presidente da 21ª Sessão da Conferência das Partes da Convenção Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima, Ségolène Royal.

VEJA TAMBÉM
Prefeitura de Palmas vai ofertar 200 vagas gratuitas para cursinho pré-Enem

 “Estamos colocando Palmas nesse patamar, através dos diálogos e discussões, para não repetir os erros cometidos em várias outras cidades ao redor do mundo. Temos que nos preocupar com a sustentabilidade, garantir uma Palmas em que as atuais e as futuras gerações possam viver com qualidade de vida”, ressalta Amastha, que também participou da COP 21 intermediando debates com prefeitos da América Latina.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal.