Da Redação JM Notícia

sid-ney-menezes
Sid-Ney Menezes (PSDC), diz que Palmas está abandonada – Foto: Ricardo Costa

Sobrinho da senhora Aureny Siqueira Campos, Sid-Ney Menezes (46), se prepara para disputar uma cadeira na Câmara Municipal de Palmas.

Filiado ao PSDC, membro da Igreja do Evangelho Quadrangular, formado em Direito pela Faculdade Objetivo e morador de Palmas há 26 anos, afirmou ao JM Notícia, na manhã desta quinta-feira(12), que a cidade está abandonada pela gestão municipal.

“Precisamos devolver Palmas para quem de direito. A nossa cidade está abandonada, foram tirados os direitos dos palmenses e a gestão perdeu o vínculo com a comunidade”, afirmou Menezes.

Menezes lembrou que o Prefeito de Palmas não ouve a população e citou a questão da Blue, que assumiu o estacionamento rotativo de Palmas, aumentou o valor do IPTU de forma arbitrária, a majoração do ISSQN e que não teria trabalhado na questão das regularizações de áreas da capital.

No entanto, apesar de tecer criticas ao prefeito, Menezes elogiou a gestão Amastha na área do trânsito: “Houve uma queda muito grande no índice de acidentes e na questão de óbitos, isso tem que ser reconhecido”.

VEJA TAMBÉM
Dois morrem e 17 ficam feridos em acidente com ônibus que saiu de Palmas

De acordo com Sid-Ney, uma das suas prioridades caso seja eleito vereador de Palmas, será trabalhar pela regulação fundiária da cidade, elaborar um Calendário Evangélico que contemple todas as denominações católicas e evangélicas.

“Percebemos que hoje é muito difícil uma igreja realizar um congresso, um evento nessa cidade, tudo tem que pagar, até uma escola pública, o valor cobrado pela gestão, é fora do comum”. Ele citou um evento da Igreja do Evangelho Quadrangular que vai ser realizado nos próximos dias em Palmas. O valor teria ultrapassado os 5 mil reais.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal.