Para discutir a questão gênero nas escolas e fortalecer a inclusão social, a Secretaria de Estado da Educação, Juventude e Esportes (Seduc) e o Banco Mundial promoverão nesta terça-feira, 17, no Colégio Estadual Lacerdino de Oliveira, em Colinas, o Seminário Gênero.

No seminário, estarão presentes a consultora do Banco Mundial, Karla Dominguez; a promotora de Justiça, Beatriz Regina Lima; o secretário de Estado da Educação, Juventude e Esportes, Adão Francisco de Oliveira; a diretora de Desenvolvimento da Gestão Escolar, Valdete Pagani; autoridades municipais e educadores.

O tema gênero foi escolhido visando combater as práticas preconceituosas e discriminatórias e será debatido em sete escolas localizadas nos municípios de Aguiarnópolis, Aliança do Tocantins, Barrolândia, Colinas do Tocantins, Pugmil e Wanderlândia. De acordo com Valdete Pagani, diretora de Desenvolvimento da Gestão Escolar, o seminário fará parte de um projeto-piloto. “A nossa intenção é que essa iniciativa permita minimizar os problemas de vulnerabilidade dos alunos, promovendo discussões dentro do contexto histórico cultural e familiar às questões de gênero”.

O seminário será realizado durante todo o dia, e entre os assuntos abordados estão: explicação sobre o Programa Estrada do Conhecimento (PEC), políticas públicas referentes a gênero, violência e bullying e suas consequências na vida escolar. O público que irá participar do evento é formado por gestores escolares, orientadores educacionais, coordenadores pedagógicos, representantes dos Conselhos Escolares, do grêmio estudantil, professores, pais, alunos e diretores de escolas municipais.

VEJA TAMBÉM
AD Arse 12 realiza o Seminário da Honra

Com informações Secom

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal.