Da Redação JM Notícia – Wiilian da Luiz
Porto Nacional assistiu na última sexta-feira dia 03, uma sessão histórica na casa de leis do município. Por unanimidade, dos 12 vereadores presentes, 10 votaram pela cassação do mandato do até então Presidente da Câmara Municipal, Helmar Tavares Mascarenhas Junior  (PSC).
helmar
Presidente da Câmara de Porto tem mandato cassado
O vereador é acusado de irregularidades enquanto parlamentar, entre elas: uma  suposta devolução de salários de servidores do gabinete do presidente; suspensão ilegal de sessão e acúmulo ilegal de função, já que que o mesmo  é servidor do Tribunal de contas do Tocantins e estaria recebendo também pela função de vereador-presidente.
Por 10X0, os vereadores decidiram cassar Helmar Jr, ficando de fora da votação o presidente em exercício, Fernanda Manduca, por estar na linha sucessória e o vereador Ivan Casca Preta – PHS, da qual foi impetrado o pedido de impedimento pelo seu partido e assim ficando impossibilitado de votar.
Novas eleições da mesa diretora deve ser confirmada em breve, após decisão ter sido confirmada em sessão nesta última segunda-feira dia 06.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal.