Raul convidou os jovens presentes na reunião a participarem das discussões sobre o plano de governo do PR na capital,
Raul convidou os jovens presentes na reunião a participarem das discussões sobre o plano de governo do PR na capital,

O presidente metropolitano do Partido da República (PR) e pré-candidato a prefeito de Palmas, Raul Filho, defendeu na noite desta terça-feira, 26, políticas públicas para a juventude da capital. As propostas para os jovens foram apresentadas durante reunião do pré-candidato a vereador Jovane Campos (PR), no Jardim Aureny I, região Sul de Palmas.

Para o republicano, os jovens não suportam mais a falta de perspectivas, decorrentes da ausência de projetos voltados para eles, bem como as denúncias de corrupção e mau uso do dinheiro público. “A juventude quer mudança, pois está cansada de ver – na imprensa e nas redes sociais – notícias ruins, relacionadas à corrupção, violência e crise econômica”, disse.

O pré-candidato a prefeito explicou que, no decorrer da campanha, vai detalhar o projeto inovador para os jovens, que inclui – entre outras coisas – acesso à cultura e ao esporte, além de qualificação profissional, em parceria com o “Sistema S”. “Nosso governo sempre priorizou aquilo que é fundamental aos palmenses, como educação, saúde e habitação. Agora, como demonstraremos nos próximos dois meses, vamos continuar dando a devida importância a estas e outras áreas. Nosso projeto para a juventude será referência para o país, assim como é a educação de tempo integral, implantada por nós”.

VEJA TAMBÉM
Pastor João Campos quer Audiência Pública para discutir trânsito de veículos de cargas na Capital

Para isso, Raul convidou os jovens presentes na reunião a participarem das discussões sobre o plano de governo do PR na capital, que está sendo elaborado por especialistas de várias áreas, inclusive em políticas públicas para a juventude.

Respeito ao cidadão
joevane
Presente na reunião, a suplente de deputada, Solange Duailibe, defendeu mais respeito dos gestores públicos aos cidadãos. Para ela, o poder público precisa ser humanizado. “Não basta ser gestor, é preciso ser mais humano, isto é, colocar o povo em primeiro lugar”, disse a ex-primeira-dama de Palmas, destacando a importância de projetos como o “Mamãe a Bordo”, projeto de sua autoria em parceria com a Prefeitura de Palmas implantado nas gestões de Raul, que dava apoio às mães e aos recém-nascidos, com transporte seguro para casa, cesta alimentícia e enxoval completo.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal.