FORTALECENDORELACIONAMENTOS01
A maioria das mulheres é contra se relacionar com homens não cristãos porque 92% delas acham que haveria constantes conflitos de valores na relação

Uma pesquisa com 3,8 mil usuários de um site de relacionamento para evangélicos, aponta que é unânime entre homens e mulheres que as chances de um relacionamento dar certo são muito maiores quando o parceiro pertence à mesma religião. Porém, 56% dos homens entrevistados se mostram abertos a engatar um relacionamento com pessoas de religiões não cristãs, enquanto 60% das mulheres afirmam que não.

Dos homens que são a favor, 63% deles acham que aos poucos o casal entraria em um consenso sobre seus valores, 22% acham que religião não interfere em um relacionamento e 15% gostam de viver com pessoas com crenças diferentes porque são a favor da diversidade. Já entre os que são contra, 91% acham que o casal teria constantes conflitos de valores, 7% acham que o grande problema seria o consenso para educar os filhos e 2% acham difícil porque a família não aceitaria o relacionamento.

Já a maioria das mulheres é contra se relacionar com homens não cristãos porque 92% delas acham que haveria constantes conflitos de valores na relação, 6% acham impossível chegar a um consenso na educação dos filhos e 2% temem a não aceitação da família. Dos 40% das mulheres que são a favor, 76% acreditam que com o tempo os valores seriam alinhados, 18% não acham que religião interfira em um relacionamento e 6% preferem se relacionar com pessoas com crenças diferentes porque acham a diversidade importante para um relacionamento.

VEJA TAMBÉM
Estatísticos denunciam fraudes em pesquisas eleitorais

Entre as religiões não cristãs que os homens consideram engatar um relacionamento estão: judeus (57%), budistas (19%), islâmicos (14%) e hindus (10%). Já as respostas da maioria das mulheres quando questionadas sobre “Com pessoas de quais religiões não cristãs você se relacionaria?”, as respostas foram as seguintes: 60% escolheram judeus, 19% budistas, 12% islâmicos e 9% hindus. Dos homens que participaram da pesquisa, 75% não se relacionariam com mulheres ateias e 25% consideram isso uma possibilidade. As mulheres se mostram ainda mais resistentes a isso, sendo que 85% responderam que não e apenas 15% responderam que sim.

“A maioria das pessoas gostaria de conhecer alguém que esteja de acordo com todas as suas expectativas, porém, nem sempre elas conseguem. Por esta razão, eu acredito que um site especializado para os solteiros evangélicos, como o Divino Amor, seja uma importante alternativa para encontrar pessoas com os mesmos valores e fé, fatores muito importantes para esse público”, comenta o Pastor Antônio Junior, que é uma das referências quando o assunto é conteúdo na web para o meio evangélico e que atua também como consultor de relacionamento cristão do Divino Amor.

VEJA TAMBÉM
Facebook é mais lido que a Bíblia, aponta estudo

Confira aqui abaixo os resultados completos da pesquisa realizada pelo Divino Amor

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal.