Screenshot (7)
João Ribeiro e Lídia Ribeiro, são membros da Congregação Cristã, uma das mais tradicionais do País. Foto: Reprodução

João e Lídia são casados, evangélicos e fãs de literatura. Em comum ambos tiveram experiências profissionais relacionadas à igreja na juventude. Ela atuou em um cargo como auxiliar de jovens, enquanto ele trabalhou com religião em Portugal, onde nasceu. Hoje, sob os pseudônimos J.O. Brook e L.B. Brook escreveram o romance erótico “Sete pecados ao vento”. A publicação é uma segunda iniciativa dentro do segmento, já que o casal é dono de sexshop na cidade de Jandira, SP, e será lançada durante a Bienal Internacional do livro de São Paulo.

Para João Ribeiro e Lídia Ribeiro isso significa mais: ter um espaço nas prateleiras dos sexshops para produtos evangélicos. Eles apostam suas fichas na criação de uma linha voltada exclusivamente para o público religioso.

dl5mu2bdlep7btt3s5y1rxs0h

“Se com a ajuda de Deus eu puder ajudar um casal a ser feliz e, voltar a reestruturar uma família, já sinto que valeu a pena o trabalho”, diz João Ribeiro sobre a literatura adulta. “Aprendi na vida que os caminhos de Deus muitas vezes são tortos e que Ele mesmo escreve certo por linhas tortas para que os seus projetos sejam realizados nas nossas vidas”, completa.

bwswsbqo9lh7rzsm1iw9cc0ka

O casal trabalha no segmento de produtos para o público adulto desde 2012, além de atuar como consultores de casais e comandar a única sex shop da cidade onde vivem. Sobre a iniciativa de usar pseudônimos na primeira investida literária eles explicam que queriam separar o universo da literatura das atividades empreendedoras e de consultoria.

Formada em Administração de empresas com pós-graduação em Educação e Terapia Sexual na saúde, Lídia confirma presença durante a 24ª da Bienal Internacional do Livro de São Paulo para lançar o romance com noite de autógrafos. Nam Gomes, da editora Tribo das Letras, explica o interesse por trás da história. “O que me levou a apostar no romance “Sete pecados ao vento” foi que o livro tem doses de sensualidade no ponto certo. O romance celebra o relacionamento e o amor numa grande história capaz de envolver qualquer casal. Hétero ou não”.


História

Ficou curioso para conhecer a história? É a narrativa de António Bravo, que deixa a vida de pescador para recomeçar a vida em um país estranho. Trinta anos se passam e o protagonista conquistou uma nova família, tornou-se um bilionário, nunca mais voltou a Portugal e segue preparando uma vingança. Agora que ele tem um novo nome, dinheiro, poder, prestigio e tudo o que necessita para destruir o seu passado.

Com informações Metrópoles

COMPARTILHAR

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal.