nota-de-falecimento-16
“Laene, agora, descansa no Senhor e espera a Sua volta conforme a promessa bíblica. Isso é o que nos dá esperança!”. Foto:Reprodução

O Ministério Jovem da Divisão Sul-Americana da Igreja Adventista, que coordena o projeto Um Ano em Missão, em Santiago, no Chile, divulgou no último dia 07, um Nota lamentando o falecimento de uma das participantes, a fisioterapeuta brasileira Laene de Oliveira dos Santos, de 27 anos de idade, de Goiânia, Goiás, que faleceu na manhã do domingo, 7. O boletim médico de um hospital de Calama, onde foi atendida em caráter emergencial, atestou que Laene passou mal e teve de ser internada na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI).

Laene, juntamente com outros jovens, participava do projeto em Santiago há seis meses. Todos os anos, jovens sul-americanos voluntariamente se inscrevem para fazer parte do grupo do Um Ano em Missão em alguma região da América do Sul onde realizam ações comunitárias, fazem projetos de evangelismo público, entre outras atividades de cunho social e religioso.

O Ministério Jovem da Igreja Adventista do Sétimo Dia, em nível sul-americano, tomou todas as providências para que a jovem fosse prontamente atendida, assim que passou mal. A Igreja também mantém o apoio à família em tudo o que está necessitando nesse momento difícil e continuará acompanhando o assunto.

Conforme o boletim médico, Laene teve falência múltipla dos órgãos e apresentou, também, diagnóstico de anemia falciforme. Essa anemia se caracteriza por uma alteração nos glóbulos vermelhos, que perdem a forma arredondada e elástica, adquirem o aspecto de uma foice (daí o nome falciforme) e endurecem, o que dificulta a passagem do sangue pelos vasos de pequeno calibre e a oxigenação dos tecidos. “Laene, agora, descansa no Senhor e espera a Sua volta conforme a promessa bíblica. Isso é o que nos dá esperança! Oramos pela família e por seus queridos nessa hora triste”, comenta o pastor Carlos Campitelli, diretor sul-americano do Ministério Jovem.

Com informações da Equipe ASN

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal.