Da Redação JM Notícia – Ricardo Costa

Multas de trânsito aumentam em quase 400% em Palmas
Multas de trânsito aumentam em quase 400% em Palmas

Após implantação de radares, infrações de trânsito tiveram aumento de quase 400% e mortes na Capital caíram em 56,6%.   Os novos radares implantados em Palmas, segundo o vereador Lúcio Campelo (PR), estão custando aos cofres públicos R$ 1,3 milhão de reais mensais. Na capital são 107 vias fiscalizadas por equipamentos eletrônicos, além de 10 câmeras de monitoramentos e quatros lombadas eletrônicas.

Para o vereador, o prefeito instalou em Palmas a “indústria da multa”, pois segundo o parlamentar os aparelhos demoram a passar por manutenções. “Estão fabricando multa e a responsabilidade é do gestor”.

Em 2015, as multas renderam mais de R$ 4,8 milhões ao município e com a divulgação desse números de infrações registradas só no primeiro semestre de 2016, para o ano a arrecadação será ainda maior.

DADOS

Após um ano de implantação do novo sistema de monitoramento e fiscalização de trânsito na Capital, o número de infrações em Palmas aumentou em 396% e as mortes resultantes de acidentes viários reduziram em 56,6%.

VEJA TAMBÉM
Decreto da Prefeitura deve restringir trafégo de caminhões em Palmas

Esses dados são um comparativo entre o primeiro semestre de 2016, quando foram registrados 107.301 autos de infrações, com o primeiro semestre de 2015, que teve 27.506 infrações. A Prefeitura de Palmas não informou a previsão de quanto será arrecadado com essa quantidade de infrações.

trânsitoNa contramão da imprudência por parte dos motoristas, que insistem em não respeitar a legislação, o número de vítimas fatais registrado no perímetro urbano de Palmas caiu em 56,6%. No primeiro semestre de 2015 foram registradas 30 mortes, e neste ano 13 vítimas fatais. Os dados foram divulgados pela comissão de gestão de dados e informações do Projeto Vida no Trânsito.

Dentre as infrações mais cometidas pelos motoristas na Capital transitar em velocidade a máxima permitida em até 20% lidera a lista com 53.548 infrações registradas. Em segundo lugar está avançar o sinal vermelho, com mais de 11 mil infrações, e em terceiro lugar com 6.600 infrações os motoristas deixaram de usar o sinto de segurança.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal.