Christian Zini, presidente regional do PSL no TO - Foto: T1 Notícias
Christian Zini, presidente regional do PSL no TO – Foto: Divulgação

Membro do Conselho Político da coligação “Palmas Bem Cuidada”, do prefeito e candidato à reeleição, Carlos Amastha (PSB), o presidente do PSL, Christian Zini, afirmou na manhã desta sexta-feira, 26, estranhar o empenho de aliados de Raul Filho para apressar o julgamento da liminar mantém sua candidatura à prefeitura de Palmas. “Vejo uma força-tarefa, um verdadeiro mutirão em torno dessa questão, mas não se sabe se todo esse empenho do grupo por Raul no STJ é para salvá-lo ou enterrá-lo de vez”, declarou.

Nessa quarta-feira, 24, os senadores Vicentinho Alves e Kátia Abreu estiveram em audiência com o ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ) Sebastião Reis para solicitar prioridade no julgamento do mérito da sua condenação por crime ambiental. “É algo a se analisar. Pelo histórico de idas e vindas, de troca de palanques a cada dois anos em período de eleições daqueles que apoiam o candidato do PR, é muito estranho.”

Zini ironizou o fato de o candidato do PR ter sempre que se explicar que é candidato. “É uma situação constrangedora. Antes mesmo de um bom dia, ele precisa dizer para qualquer um que encontra na rua que é candidato, que vai ganhar na Justiça, etc…”, declarou.

VEJA TAMBÉM
Articulação: Vereadores da base se encontram com Raul Filho

CANDIDATURA PENDURADA

A candidatura de Raul se sustenta por uma liminar, uma decisão provisória. O julgamento, que iria ser realizado nessa quarta-feira, 24, foi adiado mais uma vez. Trata-se do julgamento do agravo regimental que tenta livrar o candidato de uma condenação por crime ambiental pela Justiça Federal (Tribunal Regional Federal da 1ª Região).

Adilvan Nogueira
Raul Filho, ex-prefeito de Palmas – Adilvan Nogueira

Para a senadora Kátia Abreu, “o processo está pronto para ser votado, inclusive com parecer favorável do Ministério Público Federal”, para que Raul Filho tenha candidatura homologada pela justiça eleitoral.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal.