paraíso 2

Em assembleia realizada pelo Sindicato dos Servidores Público Municipal de Paraíso do Tocantins (SIMPA), nesta segunda (29), durante manifestação pacífica na Praça Cabo Luzimar, os servidores do quadro da Saúde, Educação e Quadro Geral, deliberaram por greve geral a partir desta terça-feira, dia 30 de agosto.

A principal reivindicação, segundo os grevistas, é o pagamento do interstício entre classes, um percentual pago toda vez que eles progridem na carreira, o que acontece a cada dois anos (devidos desde novembro de 2015).

Os servidores também cobram o cumprimento das regras especiais dos PCCRs, que para alguns servidores este interstício diminui para 02 e 03 anos (devidos desde novembro de 2013 e 2014, respectivamente); também reivindicam o correto enquadramento a alguns servidores, devidos desde novembro de 2011, e insalubridade a alguns servidores, devidos desde novembro de 2011. (Com informações da Assessoria)

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal.