depressaoistock
11% delas dizem não ter mais motivos para viver e, depois de aconselhadas, têm as esperanças reavivadas

O dia 10 de setembro, Dia Mundial da Prevenção ao Suicídio, serviu mais uma vez para alertar a sociedade sobre este problema que é muitas vezes tratado como um tabu, mas que precisa de cuidados constantes. Desde 2014, a campanha Setembro Amarelo identifica locais públicos e particulares com a cor amarela, com o objetivo de alertar a população sobre a realidade do suicídio e suas formas de prevenção.

De acordo com a OMS (Organização Mundial da Saúde), a cada 45 minutos um brasileiro põe o fim à própria vida. A entidade informa ainda que o Brasil é o oitavo país em número de suicídios no mundo, registrando em 2012 mais de 11,8 mil casos.

Com o objetivo de evitar tais ocorrências trágicas, um trabalho de apoio à distância, chamado Pastor Online, atende cerca de 5 mil homens e mulheres que buscam o serviço e relatam a intenção de cometer suicídio, mensalmente.

Mantido pela Igreja Universal do Reino de Deus desde 2013, o Pastor Online funciona por chat eletrônico e contabiliza uma média de 45 mil atendimentos todos os meses. São pessoas de todas as idades, credos, posições sociais em busca de aconselhamento para os mais variados tipos de problemas, explica pastor Stanley Vaz, responsável pelo serviço.

— 11% delas dizem não ter mais motivos para viver e, depois de aconselhadas, têm as esperanças reavivadas.

Um dos que atendem no serviço é o bispo Roberto Mauzer. Um de seus princípios é o de que as pessoas precisam ignorar as palavras negativas.

— Lembro-me de uma jovem senhora que estava desesperada com sua vida. Ao procurar o Pastor Online ela dizia: ‘estou com um copo de veneno aqui na minha frente para tomar’. Depois de desabafar e aceitar os conselhos, a mulher desistiu de atentar contra a própria vida.

Para o bispo Mauzer, a força para convencer alguém a desistir do suicídio está na fé, na certeza de que Deus é poderoso para mudar qualquer situação.

— Uma palavra pode mudar tudo! Quando uma pessoa dominada pelo desespero entra em contato com o Pastor Online, ela ouve uma palavra de fé. Logo, esses pensamentos de dúvida e desespero são combatidos.  Daí acontece o milagre da mudança de pensamento, mudança de ideia, de comportamento.

Especialistas alertam que a questão é de saúde pública. Hoje, 32 brasileiros se matam todos os dias, número maior do que as pessoas que morrem em decorrência da Aids e de vários tipos de câncer. E para cada caso registrado, há ao menos outras vinte tentativas.

Combate

A meta da OMS é diminuir em 10% até 2020 a mortalidade mundial por suicídio, que chega a 800 mil pessoas todos os anos – o que significa que a cada 40 segundos no mundo uma pessoa tira a própria vida.

Ainda de acordo com a OMS, 9 em cada 10 casos poderiam ser prevenidos, se as pessoas buscassem ajuda de quem está à sua volta. Porém, de acordo com especialistas, o diagnóstico é difícil.

O responsável pelo Pastor Online, o pastor Stanley, reitera que o serviço ajuda no combate ao suicídio utilizando a fé.

— Aqui no Pastor Online apresentamos à pessoa uma alternativa. A qualidade de vida que terá quando ela entregar sua vida a Deus.  Baseamos nossos atendimentos no que diz a Bíblia: ‘Eu vim para que tenham vida e a tenham em abundância.

Ele acrescenta que depois que é apresentada essa proposta Divina, “de que pela fé ela pode ter qualidade de vida na Terra, a maioria é demovida do pensamento negativo consequência de uma coleção de fracassos e decepções”.

Casos recentes

No Rio de Janeiro, um homem tirou a própria vida depois de matar dois filhos e a mulher. De acordo com notícias publicadas na imprensa, o crime ocorreu na manhã do último dia 29 de agosto, num condomínio na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro. Foi encontrada uma carta em que o autor da tragédia relatava não ter mais condições de sustentar a família.

Na mesma manhã, em São Paulo, um motoboy de 41 anos pulou do 17º andar do Fórum Trabalhista Ruy Barbosa, com o filho de 4 anos no colo.  Minutos antes cometer o suicídio, o homem teria ligado para uma amiga dizendo o que faria.

Com informações R7

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal.