Da Redação JM

kkk
Bispo da IURD debate “nudes” e critica artistas por vazamento de imagens. Foto: Reprodução

O bispo Márcio Carotti, apresentador do programa “Fala Que Eu Te Escuto”, da Igreja Universal do Reino de Deus (IURD), exibido na Record, criticou artistas pelo vazamento de fotos onde aparecem pelados. O programa da IURD nas madrugadas tem uma boa audiência justamente por trazer para o debate temas bem atuais na sociedade e também permitir nestes a participação dos telespectadores.

O programa desta semana debateu o tema “Nudes: Sem querer? Ou sem vergonha?” e citou nominalmente casos de artistas como Paulo Zulu, Carolina Dieckmann, Murilo Rosa e Stenio Garcia, que tiveram imagens suas vazadas na internet. Carotti pediu a opinião de anônimos sobre o assunto, por telefone ou por meio das redes sociais, e no fim fez uma análise mais profunda.

Segundo o bispo, é “muita ingenuidade que pessoas públicas, estudadas, de mente aberta e que fazem novelas” tenham postado fotos pelados, compartilhado, e depois dizerem que não sabem o motivo pelo qual fizeram o vazamento. Para ele, uma pessoa que tira foto nua “boa intenção não tem”, destacou a reportagem do UOL sobre o programa.

Embora sempre tenha frisado que não estava generalizando os fatos, Carotti disse também que vazamento de nudes é “muito mais sem vergonhice do que sem querer”.

“Eu acho muita ingenuidade que o Paulo Zulu, Stenio Garcia, que o Murilo Rosa ou a Carolina Dieckmann… [que] a foto nua de uma pessoa (como esses artistas) [esteja] no telefone, compartilhar e dizer o seguinte ‘eu não sei o motivo pelo qual fizeram isso’. A pergunta é: o que a foto estava fazendo lá?. Ainda que alguém tenha entrado [e vazado], o que a foto estava fazendo lá?”, iniciou o bispo durante o programa.

“Mas se você parar para pensar, a primeira coisa que acontece é que primeiro se divulga a foto –não estou generalizando os fatos–, e depois a pessoa diz ‘ah, não foi eu, foi um acidente’. Mas se ele não tivesse tirado uma foto nu, ninguém teria compartilhado a imagem. E com qual intenção uma pessoa tira uma foto nua, sinceramente?! ‘Ah, eu queria ver se eu estava mais magra’ [foi essa a justificativa dada pela esposa do Stenio Garcia para tirar as fotos]. Era só se ver no espelho”, retrucou o bispo.

“Eu não acredito que seja ingenuidade, até porque estamos falando de pessoas maduras, estamos falando de pessoas públicas, que fazem novelas, pessoas de mentes abertas, estudadas. Não estou generalizando, mas eu acredito que é muito mais sem vergonhice do que sem querer, porque uma pessoa que tira a foto nua boa intenção ela não tem”, concluiu.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal.