dancarino-gay-mata-namorado
“Perdoe-me“, escreveu Bellamy, de 32 anos, logo após espancar e estrangular seu namorado

Marcus Bellamy, um dançarino gay da Broadway deixou uma confissão em sua conta no Facebook depois de matar seu namorado.

Perdoe-me“, escreveu Bellamy, de 32 anos, logo após espancar e estrangular seu namorado, Bernardo Almonte.

Fiz isso por amor. Eu fiz isso porque te amo. Ele me disse que o amor e o ódio são a mesma emoção”.

Bellamy enfrenta acusações por assassinato por acabar com a vida do jovem de 27 anos. Ele o matou durante uma briga em sua casa na região de Morris Heights. A polícia encontrou a vítima sangrando no apartamento do quinto andar, com marcas de mordidas em seus ombros.

“Eu sou Deus”, escreveu Bellamy em seu perfil na rede social, “Dou a vida e posso tira-la”.

Depois de publicar sua confissão, o dançarino foi aonde estava um vizinho e lhe contou que acabava de matar Almonte. O vizinho chamou a polícia e os agentes o encontraram na cena do crime.

Antes de ser preso, Bellamy parou na calçada e levantou as mãos aos céus, como se estivesse fazendo uma oração, disse uma vizinha.

O dançarino gay, produzia vídeos e publicava no Youtube.

Com informações Padom

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal.