TRE proíbe Laurez de veicular montagens contra Walter Junior
TRE proíbe Laurez de veicular montagens contra Walter Junior

O juiz Agenor Alexandre da Silva, do Tribunal Regional Eleitoral, concedeu liminar para que o candidato à reeleição, Laurez Moreira (PSB), deixe de exibir áudios com gravações do candidato Walter Júnior (PSDB). De acordo com o Magistrado, os áudios foram montados e editados para que o seu conteúdo transmitisse um formato depreciativo ao candidato a prefeito Walter Júnior.

Além de determinar a retirada da veiculação dos conteúdos manipulados, o Magistrado já estipulou multa de R$ 10.000,00 (dez mil reais) por dia em caso de descumprimento ao candidato Laurez Moreira. Na decisão, também é expedida a ordem de notificação das emissoras de Rádio e TV.

A Assessoria Jurídica de Walter Junior havia recorrido ao TRE, após a Justiça Eleitoral em Gurupi negar a mesma solicitação no último domingo, 25, 48 horas após do início da veiculação.

De acordo com os advogados de Walter Junior, mesmo que tardia, a decisão vem estabelecer a verdade nesse caso. “O povo é sábio e já havia percebido a montagem para denegrir Walter Junior, mas agora a verdade vem a tona, e essa decisão restabelece a Justiça”, declarou o advogado Sadraque Nóbrega.

VEJA TAMBÉM
Mesmo em crise, Câmara de Gurupi reajusta salários dos vereadores e do executivo

“A decisão do TRE, com rapidez e imparcialidade, comprova a nossa tese de que a montagem era somente para confundir o eleitor e tinha a finalidade de afetar a popularidade e a aceitação de Walter Junior. Felizmente, agora, os fatos estão mais claros aos olhos da população”, disse o advogado Réges de Souza. (Ascom candidato)

COMPARTILHAR

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal.