ibl3
Mais de 1.800 pessoas presentes à Ópera de Arame lotada

Uma noite emocionante e inesquecível de louvor, orações e cânticos marcou o início das comemorações dos 500 anos da Reforma Protestante, no dia 23 de Outubro, na Ópera do Arame, em Curitiba. Promovido pela Igreja Evangélica Luterana do Brasil (IELB), o evento reuniu mais de 1,8 mil pessoas do Paraná e de Santa Catarina e lembrou o movimento de 31 de Outubro de 1517 deflagrado pelo então monge católico Martinho Lutero e que resultou em profundas mudanças religiosas, sociais, políticas, culturais e econômicas, que se refletem até hoje no mundo. A mensagem em destaque do encontro, intitulado Celebração dos 499 anos da reforma protestante, foi o texto de Romanos 1.17, fundamental para todo o processo reformista: “O justo viverá pela sua fé”.

A abertura da celebração, transmitida ao vivo pelo Facebook e seguida por mais de 3,8 mil expectadores, foi feita pelo secretário do Distrito Paraná Leste da IELB, Ives Möller, que saudou a todos os presentes. Ele destacou que as 95 teses de Lutero levaram à mais profunda reforma religiosa, colocando um ponto final na cobrança das indulgências praticada pela Igreja Católica. “Hoje é impossível imaginar que há 499 anos os cristãos pagavam para ter o perdão por seus pecados”, disse, acrescentando ainda que Martinho Lutero tornou possível o acesso às sagradas escrituras e a louvar profundamente um único Deus, sem intermediários.

Saudação Inicial, com Ives Möller, Secret ... Igreja Evangélica Luterana do Brasil
Saudação Inicial, com Ives Möller, Secret … Igreja Evangélica Luterana do Brasil

A seguir, o Pastor Walter Wolf, conselheiro Distrital da IELB, fez a invocação dos fiéis. Em uníssono e sob muitos aplausos, as mais de 180 vozes do União Coral realizaram a entrada festiva e emocionaram a plateia, com cântico composto por Wilson Faustini. Regido pelo entusiasmado maestro Martinho Lutero Klemann, da orquestra da cidade de Joinville (SC) e também contrabaixista da Camerata Antiqua de Curitiba, o coral foi formado por integrantes das congregações da IELB de Curitiba, da Igreja Presbiteriana, da Regional da Matriz e da congregação São Paulo, de Guarapuava (PR).

 Ao dar prosseguimento à celebração, o Pastor Cristiano Mendes (IELB) conduziu a oração confessional, destacando os principais pontos da teologia de Lutero como, por exemplo, o arrependimento e o perdão. Ovacionado pelos presentes, assinalou que o arrependimento deve ser contínuo e ininterrupto e frisou que “todo e qualquer cristão que se arrepende verdadeiramente pelos seus pecados, sente pesar por ter pecado, tem pleno perdão da pena e da dívida, perdão esse que lhe pertence mesmo sem breve de indulgência”. A música “Regozijai” foi apresentada na sequência com a participação dos fiéis, que cantaram emocionados a composição de Charles Kirby.

inl8 “O momento é de reforçar o movimento defendido por Lutero e prestar um tributo a ele. Registramos a consolidação da volta às escrituras sagradas que se achavam esquecidas e compreendemos a verdade da fé. Fé na obra de Deus”, acentuou o Pastor Juarez Marcondes Filho, secretário executivo da Igreja Presbiteriana do Brasil, ao fazer sua saudação. Para ele, este evento que comemora os 499 anos da Reforma Protestante e prepara as celebrações do seu cinquentenário, é histórico. “Aqui temos a dádiva de unir em um mesmo espaço diversos segmentos em torno de um único princípio: disseminar a palavra de Deus”, falou, conclamando os presentes para agradecer a oportunidade cantando “Te Agradeço”, canção de Dennis Jernigan.

Antes do público louvar a Jesus com a música “Grandioso és Tu”, de Stuart Hine e Carl Boberg, os presentes ouviram o texto bíblico Romanos 3.21-28, lido em Braille por Sérgio Rene de Assis. Visivelmente comovido ao fazer a leitura, Assis foi responsável por um dos momentos mais marcantes e reflexivos da noite. As pausas efetuadas enquanto fazia a leitura em Braille prenderam a respiração da atenta plateia, revelando a grande dificuldade pela qual passam as pessoas com deficiência no Brasil – bem como a bênção da superação destas adversidades.

Saudação trazida pelo Sr. Fernando Guede ... Prefeito de Curitiba, Gustavo Fruet
Deputado estadual Gilson de Souza.

Em seguida, o conselheiro da Liga de Leigos Luteranos do Brasil, Pastor Adelar Munieweg (IELB), começou sua mensagem reiterando a leitura em Braille, destacando ainda que as pessoas devem prestar atenção em uma palavra grega de apenas três letras: “mas”. “Devemos dizê-la de uma forma mais positiva, pois conforme ela é dita acaba com tudo que queremos e pensamos”, frisou. A profunda mensagem proferida pelo Pastor Adelar sensibilizou o público, que voltou para casa com pensamentos mais claros em relação aos ensinamentos de Deus. A seguir, foi feita a confissão de fé com a leitura do Hino “Credo” (232) do Hinário Luterano, e que reforça a crença em Deus e em seus propósitos.

 Depois da oração, o Pastor Jacson Müller (IELB) convidou a todos para ouvirem a leitura bíblica Efésios 2.8-10, em alemão (língua natal de Lutero) e em português, e a refletirem sobre a mensagem, que fala da importância da fé salvadora. “… Porque pela graça sois salvos, por meio da fé, e isto não vem de vós, é dom de Deus; não vem das obras, para que ninguém se glorie; porque somos feitura sua, criados em Cristo Jesus, para as boas obras, as quais Deus preparou para que andássemos nelas…”. A leitura foi seguida pela apresentação da música “Bendito seja o Cordeiro”, traduzida por Gilson Campos.

 Caminhando para o final da cerimônia, o Pastor Nelson Lautert (IELB) conduziu a oração geral. Frisou que é necessário colocar em prática a palavra de Deus e seguir o caminho da paz, progresso e ordem. “Oremos para que tenhamos capacidade de testemunhar a fé e disseminar as escrituras sagradas para atingir mais pessoas. Oremos pelo bem-estar do nosso semelhante”, concluiu. Após a leitura da oração, foi apresentada a canção que expressa o mais profundo pensamento de Lutero, o hino Castelo Forte: “Que a Palavra ficará, sabemos com certeza, e nada nos assustará, com Cristo por defesa; se temos de perder os filhos bens, mulher, embora a vida vá, por nós Jesus está, e dar-nos-á seu Reino”.

 As comemorações encerraram-se com a benção ministrada pelos Pastores da IELB Nelson Lautert, Heldo Bredow e Valdo Weber, e com a apresentação da canção “Dai Graças”, de Martin Rinckost e Johann Crüger. Bastante emocionado, o Pastor Flávio Horlle, da Congregação Santa Cruz, de Ponta Grossa, aproveitou a ocasião e agradeceu a Deus por “ter proporcionado algo tão maravilhoso”, bem como enalteceu a presença de 120 pessoas do Distrito de Campos Gerais.

 Ao fazer uso da palavra, o presidente da Federação das Indústrias do Estado do Paraná (Fiep), Edson Campagnolo; saudou os presentes e fez um tributo à Reforma Protestante, colocando a sede da Federação à total disposição para receber eventos das festividades dos 500 anos da Reforma.

Saudação trazida pelo Pastor Dorgival Lim ... ira, da Igreja Batista de Curitiba
Saudação trazida pelo Pastor Dorgival Lima Pereira, da Igreja Batista de Curitiba

Em sua fala, o presidente do COMEP – Conselho dos Ministros Evangélicos do Paraná, Bispo Cirino Ferro declarou que a “Marcha com Jesus, em 2017, que deve levar mais de 200 mil pessoas às ruas, terá como tema a Reforma Protestante”. O secretário do Trabalho e Emprego, Fernando Guedes, em nome do prefeito de Curitiba Gustavo Fruet, assegurou a liberação da Expo Renault, localizada no Parque Barigui, para ser a sede do evento dos 500 anos da Reforma Protestante, que será realizado em Outubro do próximo ano. O Pastor Izaías Porto, representando o governador Beto Richa, qualificou a solenidade como “feliz e maravilhosa, e que exalta o fervor pelos ensinamentos de Deus”, elogiando os músicos e instrumentistas e toda a programação, idealizada com muita dedicação e carinho.

Após parabenizar a organização do evento, o Deputado Estadual Pastor Gilson de Souza anunciou que o projeto de lei de sua autoria – que propõe tornar a data de 31 de Outubro como o Dia da Reforma Protestante – foi aprovado pela Comissão de Cidadania e Justiça, e segue agora para a apreciação do Plenário. “Tenho convicção de que a proposição passará tranquilamente e será aprovada pelos meus pares no Legislativo do Paraná”, transmitiu.

 A noite de 23 de Outubro também foi marcada pela abertura da contagem regressiva dos 500 anos, firmada pelo Pastor Jonas Lindner (IELB) e por Cyrineo Dickel Jr., líder leigo do Distrito Paraná Leste da IELB. Os organizadores do evento fizeram questão de destacar a presença de instrumentistas das Igrejas Luteranas e do projeto de cordas do Colégio Estadual do Paraná, bem como das bandas de igrejas presbiterianas de Curitiba. Mais em https://www.facebook.com/LuteranosEmCuritiba/?fref=ts

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal.