Da Redação Ranny Oliveira e Ricardo Costa

Momento devocional e de oração - Foto: Ranny Oliveira
Momento devocional e de oração – Foto: Ranny Oliveira

Foi realizado neste sábado, 29, em Palmas –TO, na 305 Norte, o 1º Festival de Artes Maciais pela Força Jovem Universal. De acordo com a organização, o projeto é uma ação que visa proteger a vida humana e sua dignidade dentro da sociedade, e ajudar de maneira concreta os jovens a saírem de vez do mundo das drogas, por meio de projetos de cultura, lazer e esportes.

Centenas de jovens se reuniram na 305 Norte, em Palmas
Centenas de jovens se reuniram na 305 Norte, em Palmas

Na oportunidade, houve vários depoimentos de jovens que foram resgatados pela Força Jovem da Universal, que em sua grande maioria, reúne jovens de 20 a 28 anos.

Ao JM Notícia, Pastor Diego, um dos organizadores do evento falou da importância do evento pra comunidade:

“A importância deste evento é mostrar aos jovens que através da cultura e do esporte, eles podem viver longe das drogas. Os jovens neste dia poderão vivenciar um pouco da manifestação de Deus em suas vidas com louvor e adoração ao nosso Deus.”

Momento - CAPOEIRA
Momento – CAPOEIRA

Na ocasião, participou do evento o pastor Sílvio Camargo, ele que é uma das pessoas retiradas das drogas por meio do trabalho social da Força Jovem da Universa, afirmou que é possível sim se recuperar dos mundos das drogas.

VEJA TAMBÉM
Agora, o FGTS servirá de garantia de empréstimo consignado para os trabalhadores

“O FJU vem trazendo uma mensagem aos jovens, a sociedade, que é possível sim, através da fé viver uma vida de cara limpa e livre das drogas”, disse pastor Silvio Camargo.

Murilo Henrique, ex-viciado, relatou ao JM Notícia, que vivia uma vida sem sentido e encontrou força para se libertar junto ao trabalho realizado pela Força Jovem da Universal.

????????????????????????????????????

“Hoje vivo a vida de cara limpa e ajudando outros jovens a saírem deste mundo de perdição, onde só Deus é a solução para todos os problemas”.

Paulo Silva Morais, diz que já tentou tirar a própria vida por várias vezes, até que certo dia, encontrou um jovem que faz parte do grupo FJU onde lhe mostrou, que a sua vida ainda tinha solução e que a solução estava em sua frente!.

Segundo ele, a paz que tanto procurava ele encontrou em Deus através da Força Jovem.

Os projetos são interessantes e muito chamativos  e a abordagem dos integrantes é sensacional! diz uns dos professores do projeto.

VEJA TAMBÉM
Raul lamenta retrocesso e defende melhor distribuição dos recursos

Pensado no esporte para manter os jovens firme e atuante na igreja e longe das drogas, hoje temos dentro do projeto cultural o teatro, capoeira e Jiu-Jitsu, contou Vanilson Alves que trabalha dentro do projeto com capoeira.

Segundo Vanilson Alves, o foco do evento é tirar os jovens da criminalidade e do mundo das drogas. Para ele, o resultado tem sido positivo.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal.