Da Redação JM Notícia

Pastor Amarildo Martins, presidente da AD Madureira no Tocantins e Maranhão
Pastor Amarildo Martins, presidente da AD Madureira no Tocantins e Maranhão – Foto: Divulgação

Preocupado com a saúde da população evangélica da Assembleia de Deus Nação Madureira, a instituição lançou neste domingo (07), campanha na sede da Igreja na 604 sul, em Palmas –TO, para alerta sobre os cuidados que os homens deve ter com a saúde.

Dr. Mário Sérgio ministrando palestra sobre o câncer de prostata
Dr. Mário Sérgio ministrando palestra sobre o câncer de próstata

De acordo com o médico Dr. Mário Sergio, palestrante do evento, a causa que mais mata homens atualmente no país é o câncer de próstata. Segundo ele, o diagnóstico precoce do câncer, é possível obter a curar em até 90% dos casos e recomendou aos homens que iniciem os exames aos 40 anos.

De acordo com pastor Amarildo Martins, presidente da Assembleia de Deus Madureira no Tocantins, o câncer de próstata pode ser evitado com exames preventivos, e lembrou-se do sofrimento de seu pai que sofreu por muitos anos com a doença.

Mais de 500 pessoas participaram do lançamento da campanha neste domingo.
Mais de 500 pessoas participaram do lançamento da campanha neste domingo.

“Precisamos cuidar da nossa saúde para não sofrermos depois”, disse pastor Amarildo Martins. O lançamento da campanha contou com a participação de cerca de 550 pessoas neste domingo e a ideia segundo a organização, é atingir todas as mais de 150 igrejas na capital.

VEJA TAMBÉM
Juventude Madureira realiza 1º Seminário Consciência Cristã no dias 17 e 18; confira

INICIATIVA

Esta não é a primeira vez que a Nação Madureira realiza campanha em Palmas. Em 2016, a instituição assembleiana Nação Madureira mobilizou evangélicos na capital para irem às ruas em ação de combate contra o mosquito da dengue. Recentemente  em outra campanha, a Nação Madureira realizou campanha de doação de sangue, ajudando centenas de pessoas que estavam necessitando de sangue nas unidades de saúde de Palmas –TO.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal.