MG_2106
A criação do Dia da Mulher Cristã Evangélica foi publicada no Diário Oficial do Estado.

O projeto de lei de autoria do deputado estadual Adilson Rossi (PSB), foi aprovado pelo Assembleia Legislativa de São Paulo (ALESP) e agora sancionado pelo governador Geraldo Alckmin (PSDB). A partir do ano que vem, em 28 de março será comemorado o Dia da Mulher Cristã Evangélica.

O deputado Rossi é pastor da Assembleia de Deus há mais de 20 anos e também é cantor. Segundo o site da ALESP, ele “encabeça projetos sociais que objetivam benefícios para a sociedade”.

Na justificativa usada por ele quando apresentou o projeto, alegou que “as mulheres cristãs têm um papel muito importante na família, na Igreja e na sociedade, e temos que valorizar”. Também lembra que “a influência da mulher em todas as esferas da sociedade tem aumentado. Podemos constatar esse fato através da presença das mulheres em muitos lugares onde até há bem poucos anos era impensável”.

Quando a Frente Parlamentar Evangélica da ALESP foi oficialmente instalada, no ano passado, o deputado afirmou que os evangélicos precisavam de representação na casa pois são “cerca de 30% da população do Estado”.

A criação do Dia da Mulher Cristã Evangélica foi publicada no Diário Oficial do Estado. Com informações de G1

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal.