314499_700A Polícia Civil do Tocantins, por meio da Delegacia Estadual de Investigações Criminais Complexas (Deic/TO), com apoio da equipe do delegado Alex Vasconcelos da DEIC/GO, prendeu, no início da tarde desta terça-feira, 22, em Goiânia (GO), em uma casa no Setor Crimeia Oeste, Ronie Von Pereira da Silva, de 20 anos, acusado de ter sido o autor da morte do jornalista Mateus Júnior, crime ocorrido, em setembro de 2016 em Palmas.

Durante as buscas efetuadas pelos policiais civis, foi encontrado, em poder do indivíduo, um simulacro de arma de fogo, dois aparelhos celulares e mais duas pistolas, sendo uma de calibre 380 e outra 40. Na época do homicídio, que vitimou o jornalista Mateus Júnior, Ronie Von evadiu-se pouco antes da prisão de seus comparsas, na cidade de Nova Rosalândia (TO) e foi se esconder em Goiânia (GO), onde passou a praticar vários delitos.

Na casa onde o suspeito se encontrava, também foram presos Pedro Henrique Martins Soares,vulgo Dirico, de 21 anos, foragido da comarca de Porto Nacional (TO) e acusado por prática de tráfico de drogas e vários homicídios naquela comarca; Absahi Oliveira Madeira, de 21 anos, preso por receptação e corrupção na cidade de Araguaína (TO).

Absahi Madeira foi colocado em liberdade em setembro de 2016, mas descumpriu as condições impostas na liberdade provisória, evadindo-se para a cidade de Goiânia (GO), sem autorização do juiz da comarca de Araguaína (TO). Na residência, também se encontrava um adolescente infrator de 17 anos, o qual possui vários antecedentes de atos infracionais na comarca de Anápolis (GO), sendo o mesmo apreendido.

A DEIC/TO está providenciando a representação pelo recambiamento dos presos às comarcas do Tocantins para que respondam pelos crimes aqui praticados.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal.