1438126944-nivea-stelmann
“Passei a ler a Bíblia e tenho sentido melhoras pessoais em todos os sentidos. Estou cada vez mais próxima de Deus”, disse em entrevista ao R7.

Nívea Stelmann tem visto algo novo ser despertado dentro de si com sua atuação na novela “A Terra Prometida”, exibida pela Record. Na pele de Noemi, esposa do personagem bíblico Calebe, a atriz de 42 anos tem aprendido um pouco mais sobre a fé.

“Sempre fui uma pessoa de muita fé. Sempre tive Deus em primeiro lugar na minha vida, mas devo confessar que a Noemi renovou a minha fé. Por causa dela, passei a ler a Bíblia e tenho sentido melhoras pessoais em todos os sentidos. Estou cada vez mais próxima de Deus”, disse ela em entrevista ao R7.

Nívea estreou na emissora no início deste ano, interpretando a mesma personagem na segunda temporada de “Os Dez Mandamentos”. Em A Terra Prometida, ela continua interpretando a hebreia e comentou sobre as dificuldades em participar de uma história de época.

“Para mim é o texto, que é lindo, mas nenhum pouco coloquial. Ter que dizer tudo certinho com naturalidade é um grande desafio, mas estou adorando esse exercício de realmente fazer uma coisa diferente na TV”, afirmou a atriz.

O exemplo de fé de Noemi tem despertado esperança no coração de muitos telespectadores, observou Nívea. “Fico muito feliz de ver como o retorno do público é positivo. Todo mundo que fala comigo nas ruas me agradece por levar amor e fé nos meus textos”.

Assim como sua personagem, Nivea afirma viver em função da família. “Sou muito ligada a minha família, muito mesmo. Vivo para os meus filhos, marido e pais. Quase não saio de casa. Faço tudo em função deles, mas confesso que este é meu maior prazer. Sempre sonhei com uma vida familiar estabilizada e agora que tenho, meu dever é aproveitar”.

Quando o assunto é a educação dos filhos, Nívea é bastante exigente. “Sou uma mãe carinhosa e, às vezes, mimo meus filhos, mas sou mais exigente do que a Noemi com relação à educação deles. Muitas cenas que faço, se fosse na vida real, agiria diferente. No fundo, estou achando que ela é bem mais sábia do que eu. Às vezes, a força não leva a nada. O exemplo é a melhor maneira de educar”.

guiame

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal.