O dinheiro é um fator importante para o casamento, mas não é tudo. (Foto: Reprodução)
O dinheiro é um fator importante para o casamento, mas não é tudo. (Foto: Reprodução)

O dinheiro desempenha um grande papel no casamento: por meio dele é possível realizar a cerimônia, comprar uma casa e todos os utensílios necessários dentro dela. No entanto, é possível realizar todos os sonhos do casal quando o dinheiro não é suficiente para pagar as contas?

Em Mateus 19:5, Jesus lembra um princípio divino declarado durante após a criação humana: ‘Por essa razão, o homem deixará pai e mãe e se unirá à sua mulher, e os dois se tornarão uma só carne’.

Essa razão, citada por Cristo, com certeza não era o dinheiro, mas sim a glória de Deus. O dinheiro é um fator importante para o casamento, mas não é tudo. Confira as dicas do pastor Patrick Mabilog para o site Christian Today:

Sua mentalidade vale mais

Na maioria das vezes, nós colocamos muita importância no valor que passa pela conta corrente antes de casar. Nós adiamos o casamento para ir economizando dinheiro, o máximo que pudermos. Mas tão importante quanto a quantidade de dinheiro que você tem é mentalidade que você tem em relação ao dinheiro. Mais importante do que a falta de dinheiro, é a falta de uma visão saudável em relação ao dinheiro antes do casamento.

Você confia demais no dinheiro? Você consegue viver com aquilo que Deus provê em sua vida? Você confia que Deus pode ser seu pagador? A atitude do casal em relação ao dinheiro importa mais do que o valor que vocês têm.

O que os casais precisam discutir

A questão mais importante entre um casal não é apenas falar sobre quanto dinheiro querem juntar antes do casamento, mas o que irão fazer com esse valor.

Além disso, as conversas sobre dinheiro não irão acabar depois que vocês se casarem. Após o casamento, haverá muitos momentos em que vocês irão discutir sobre dinheiro. Haverá períodos de fartura e de escassez. Os casais terão que enfrentar isso juntos, por isso, fale sobre dinheiro abertamente.

Deus ainda provê

Embora o dinheiro não seja tudo para um casamento, ele ainda tem um espaço “influente” na vida a dois. Muitos casamentos foram destruídos devido ao dinheiro. Isso intima os casais a serem bons administradores financeiros, para evitar as dívidas, controlar os gastos e aumentar o fluxo de caixa. Sim, o seu casamento depende disso.

Maior que a nossa necessidade de dinheiro é a visão de ter Deus como o fornecedor principal. Se você não olhar para Deus como sua fonte de tudo, seu casamento poderá enfrentar outros tipos de problemas. FONTE: GUIAME, COM INFORMAÇÕES DE CHRISTIAN TODAY

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal.