Home mata esposa dentro de igreja após ela exigir senha do Facebook
Home mata esposa dentro de igreja após ela exigir senha do Facebook

Um assassinato foi registrado na manhã de quinta-feira (2), na cidade de Helena, na região de Toledo, na zona oeste do Paraná (PR). Uma mulher foi brutalmente morta a golpes de faca pelo próprio marido. O autor do Crime foi identificado pelas autoridades como Altamiro Moreira dos Santos, de 26 anos. A vítima de violência doméstica foi identificada como Maria Aparecida Soares de Lima, de 26 anos. A motivação do crime foi uma senha do Facebook que o sujeito negou para a esposa.

Conforme informações repassadas pela polícia da cidade, a vítima teve uma crise de ciúmes e começou a pedir a senha da sua conta no Facebook. Ainda de acordo coma a polícia, Altamiro não atendeu o pedido da esposa. Diante da negatividade do esposo, ela resolveu terminar o relacionamento. Bastante revoltado com a atitude da esposa, ele prometeu que ia se vigar da mesma. De acordo com a polícia, no momento que a vítima foi assassinada, ela estava no seu trabalho em uma igreja.

O acusado chegou com uma faca em punho e desferiu vários golpes na vítima, sem chance de defesa. Como se não bastece, a vítima teve a cabeça decepada pelo suspeito dentro da igreja. Logo após cometer o crime, o indivíduo fugiu do local. A arma usada pelo homem, uma faca, estava próxima ao corpo da jovem. Segundo a polícia, o sujeito teria falado para um parente que havia assassinado a sua esposa. Entretanto, no decorrer da conversa com esse parente, o mesmo convenceu ele a se entregar para as autoridades. 

O sujeito foi preso e encaminhado para a delegacia da cidade, onde prestou seu depoimento. Conforme consta em seu depoimento, o suspeito disse para a polícia que assassinou a sua esposa por ela insistir que ele desse a senha da sua conta do Facebook para ela. Como ele se recusou, ela então teria terminado o casamento, que já durava mais de 8 anos. Após o seu depoimento, ele foi autuado pelo crime doloso, quando há intenção de matar.

Logo após, foi encaminhado para uma penitenciária da cidade, onde ficará à disposição da Justiça.http://br.blastingnews.com

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal.