Entre as atrações, também estará o grupo Selo de Deus e Diego MC de Cristo.

De influência nacional, o rapper transforma vidas através de sua música e testemunhos. O rapper Cela nos últimos anos tem viajado por todo Brasil cantando, ministrando e influenciando jovens e adultos de todas as classes, cor e religião e nesta quinta-feira, 23, ele estará se apresentando em Palmas, na Associação de Moradores da 1.306 Sul às 20h.

Entre as atrações, também estará o grupo Selo de Deus e Diego MC de Cristo.

HISTÓRIA

Em julho de 2008 o rapper Cela se converteu ao evangelho, e nessa mesma época ele participava do grupo de Rap ‘Kartel d’la rua’, ocasião em que comemora 15 anos de Rap Nacional. Segundo ele, sua conversão veio em em um momento muito turbulento de sua vida. 

No Rap e no trabalho, as coisas iam muito bem, mas a vida pessoal estava lastimável. Quando conheci o evangelho em uma igreja Assembléia de Deus, tudo começou a mudar em minha vida”, diz.

Após sua conversão o rapper Cela se une aos rappers Rod Mc, Negrada e Seco, firmando os primeiros pensamentos, não mais em um grupo de rap, mais sim em um Ministério de Testemunho, e edificação de vidas através do rap nacional, por meio do então o Ministério Éfeso.

Em fevereiro de 2009, o Rapper Cela conhece através de alguns amigos em comum, a mulher que hoje é sua esposa, membro do Ministério Éfeso, a rapper e levita Fernanda Rodrigues. Ainda em 2009, eles gravam o single “Na fé de Jô”. “Dai pra frente, junto à unção de evangelismo, veio também a graça do Senhor que foi e esta sendo o grande diferencial na vida e no ministério desse povo Abençoado de Santo Andre”, afirma.

“Louvamos ao Senhor pelos Milhares de almas, e pelas vidas que foram e que estão sendo transformadas pelo poder do evangelho que narramos e vivemos com muito compromisso e ousadia”, diz o vocalista.

Para ele, o ministério Éfeso esta longe de ser apenas um grupo de Rap. “Vivendo em prol a musica e sua arte, tentamos levar a nação brasileira paz, sabedoria e diligencia nas palavras e atitudes, pois só assim vamos mudar a realidade das periferias, fazendo com que nossos jovens vivam mais, que nossas jovens deixem de ser mãe ainda em sua adolescência e vivam com mais dignidade e sabedoria”.

A entrada é gratuita. Em menos de três meses as musicas “Poesia da vida” e “Na fé de Jô” já estavam sendo tocadas em todo país, somando mais de 10 milhões de visualizações no youtube.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal.