Para oposição, Amastha não tem votos para aprovar Vetos

Da Redação o JM – Dermival Pereira

Pelo menos oito Vetos do prefeito de Palmas, Carlos Amastha (PSB), em tramitação na Câmara de Vereadores, trancam a pauta de votação de projetos importantes no Legislativo municipal desde a semana passada. O motivo, segundo a oposição é que o prefeito, mesmo tendo 13 vereadores na base, não reúne neste momento, votos suficientes para aprovação dos vetos.

Na tribuna da Casa, o vereador de oposição, Milton Neris (PP), criticou o impasse. “No ano passado eles alegaram que o problema era da oposição, que a culpa era do presidente Rogério, que trancava a pauta e não queria que os projetos fossem aprovados, hoje ele (Amastha), tem a maioria absoluta dos vereadores nessa Casa, e porque a pauta está trancada? Está trancada porque ele não tem votos para aprovar”, afirmou Neris.

Milton Néris desafia Folha a colocar Vetos em votação

Atribuindo ao prefeito Carlos Amastha, personalidade semelhante à de Nabucodonosor (personagem Bíblica que reinou na antiga Babilônia, atual Iraque). Neris disse que os Vetos não foram votados porque ele perde na democracia, aqui tem veto de projeto que Nabucodonosor (Amastha), mandou e ele mesmo vetou. Nem ele sabe o que quer, não tem tempo, só vive no whatsApp, eu desafio o senhor presidente, a colocar os vetos, vamos votar para vê se aprova”, desafiou.

Sem votos
Nos bastidores da Casa, a informação é de que com a insatisfação de pelo menos cinco vereadores da base governista, o prefeito não teria votos suficientes para aprovar os vetos, neste momento.

Negreiros rebate
O vereador líder do prefeito na Câmara, Major Negreiros (PSB), também em discurso na tribuna da Casa, defendeu a gestão. “Eu vi o prefeito ser chamado aqui de vários nomes, de mentiroso, de Nabucodonosor, de tantos nomes pejorativos, mas eu não vi ninguém o chamar de pai de família, de avô, vi você ser atacado também porque disputou uma eleição, Tiago”. “Aqui se fala em esquemas, eu pertenço ao grupo do prefeito, não pertenço a esquemas, talvez esquemas existia no governo anterior que eles defendiam ou no governo do Estado que eles apoiam”, pontou Negreiros, sem falar no trancamento da pauta. “Todos eles se assemelham a esses termos, porque todos já fizeram parte do prefeito”, rebateu.

Confira a relação dos vetos que aguardam votação

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal.