O governador Marconi Perillo homenageou, na tarde desta quarta-feira (03/05) os bispos Abigail Carlos de Almeida (Assembleia de Deus – Ministério Fama), e Oídes José do Carmo (Assembleia de Deus – Ministério Madureira), que foram ordenados a bispos durante a realização da 39ª Assembleia Geral Ordinária  da Convenção Nacional das Assembleias de Deus no Brasil – Ministério de Madureira (CONAMAD), no último dia 22 de março, em São Paulo.

Marconi afirmou que o encontro promovido no Palácio das Esmeraldas com dezenas de membros da Assembleia de Deus era para homenagear os bispos pela ordenação recebida, e também para agradecê-los pelo trabalho social que realizam de combate à criminalidade e de prevenção ao suicídio. Ele esteve acompanhado da primeira-dama Valéria Perillo.

“O bispo Abigail Carlos é uma das pedras fundamentais na edificação da Assembleia de Deus em Goiás. Foi um homem que semeou a boa semente em todo o Estado, e agora colhe essa homenagem por mais esse sacerdócio que tanto o honra. E o Pastor Oídes, que começou há mais de 40 anos em Palmeiras de Goiás e Palminópolis, dedicou sua vida à edificação da obra de Deus”, ressaltou.

VEJA TAMBÉM
1º Congresso Mundial de jovens da AD Madureira começa hoje em Goiânia

Ele destacou já ter ajudado a construir mais de 100 igrejas católicas e evangélicas em Goiás, ressaltando a importância do trabalho social realizado pela Assembleia de Deus, um trabalho que auxilia e complementa as ações sociais do Governo Estadual. Afirmou que as igrejas, ao recrutarem os jovens para suas atividades, fazem um trabalho de prevenção à criminalidade.

Obras importantes

“As obras que os senhores realizam são muito importantes para Goiás e para o Brasil. Quantas almas os senhores evitaram que fossem para as drogas, para o crime e a prostituição. E quantas almas recuperaram da perdição? Quando vou a essas igrejas ou a eventos como, por exemplo, no Goiânia Arena, e vejo lotado de jovens, dou graças a Deus e admiro ainda mais o trabalho que os senhores fazem. Porque aqueles jovens ou boa parte deles poderia estar no descaminho”, declarou, chamando a atenção para problemas sociais como a depressão e o suicídio.

“Não sou médico, mas acredito que a depressão certamente tem muito a ver com a falta da espiritualidade. A falta da religião desune as famílias, desagrega os lares. E hoje infelizmente estamos assistindo a muitos jovens cometerem suicídio. O trabalho e o apoio das igrejas são fundamentais para mudar essa triste realidade”, disse.

VEJA TAMBÉM
1º Congresso Mundial de jovens da AD Madureira começa hoje em Goiânia

Marconi reiterou que em toda sua vida pública sempre respeitou o trabalho das igrejas e é muito grato por esse apoio que o Estado recebe delas. Os bispos, por sua vez, agradeceram a ele pelo apoio que obtêm do Governo Estadual na realização de obras e eventos da igreja. “Essa homenagem é um reconhecimento do Estado de Goiás a nossa igreja. Nossa gratidão é enorme”, afirmou o bispo Oídes do Carmo.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal.