Da Redação JM Notícia

Durante sua participação no Programa Raul Gil, Thalles Roberto afirmou que é uma pessoa diferente após essa “pausa” que fez em sua carreira.

No programa que foi ao ar neste sábado (6) o artista evangélico participou do quadro “Elas Querem Saber” e precisou responder as perguntas feitas por Val Marchiori, Thammy Miranda, Ciça Camargo e Lola Melnick.

Essa foi a primeira entrevista na TV que Thalles participou depois da polêmica gerada por suas palavras quando, em 2015, ele afirmou que era melhor que todos os cantores evangélicos juntos.

As declarações o fez perder uma série de contratos e o afastou dos palcos de todo o Brasil. Só este ano é que ele resolveu gravar um vídeo e pedir desculpas e procurar alguns artistas para pedir perdão.

Ao ser questionado de quando é a melhor hora para pedir perdão, Thalles respondeu que é quando se reconhece o próprio erro.

“Só é possível pedir perdão quando a gente reconhece que está errado. Acredito que a maior dificuldade do seu humano, talvez, seja reconhecer o seu próprio erro”, afirmou.

VEJA TAMBÉM
Claudio Duarte abraça Thammy e fala sobre homossexualidade no Programa Raul Gil

Thalles pode contar seu testemunho, de como um filho de pastor se envolveu com drogas e como foi largar o vício e voltou a frequentar igrejas, se tornando hoje em um pastor assim como seu pai.

O apresentador Raul Gil foi mais claro, pedindo aos seus telespectadores que voltem a frequentar os eventos onde o cantor estiver. “Eu gostaria que vocês voltassem a apoiar este grande artista, este grande talento”.

O cantor afirmou que recebeu um carinho de seus fãs quando gravou o vídeo pedindo perdão e que muitos pastores e líderes abriram as portas de suas igrejas convidando-o para fazer shows. E que agora ele “voltou com tudo”.

Outro ponto interessante foi uma pergunta sobre estar preparado para fama e ele afirmou que não estava preparado para o sucesso que teve e que seu pai teve um papel importante para que ele tivesse os pés no chão.

 

Assista:

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal.