A Reforma da Previdência foi tema de Audiência Pública realizada nesta quinta-feira, 18, na Câmara de Vereadores de Palmas. A reforma foi apresentada pela Presidência da República como uma saída para a crise previdenciária. Em seu discurso, o vereador professor Júnior Geo explicou que o problema da previdência é gestão. “O momento que o país enfrenta hoje só nos mostra que precisamos de representantes menos políticos e mais gestores. Representantes que deixem de agir em interesses particulares e atuem pelo coletivo”, justificou.

Para o vereador, a consciência política da sociedade é uma forma de mudança. “A escolha de representantes que primem pela gestão e não somente pela política só virá quando a sociedade buscar consciência de quem está elegendo. A reforma maior que tem que existir nesse pais não é na previdência, não é a reforma trabalhista.  É no grau de conscientização política da sociedade”, reforçou Geo.

O parlamentar explicou que o tema precisa ser discutido e em sua posição de representante da sociedade, servidor público e professor, posicionou-se  no debate. Para Geo, é necessário um equilíbrio entre a necessidade da reforma sem afetar os direitos conquistados ao longo dos anos. Portanto, seria contrário ao formato inicial apresentado.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal.