Da Redação JM Notícia

 

O pastor Silas Malafaia foi envolvido na Operação Timóteo e tem conseguido provar sua inocência na acusação de que ele teria participado de um esquema de corrupção.

Tudo isso porque em 2013 ele aceitou a oferta do advogado Jader Alberto Pazinato, acusado de participar de um esquema de corrupção em cobranças judiciais de royalties da exploração mineral.

Malafaia mostrou suas provas de que não sabia do esquema, mostrou seu Imposto de Renda onde ele declarou o valor recebido e ainda mostrou um vídeo daquele ano onde ele testemunha a entrega do valor R$ 100 mil.

Nesta quarta-feira (31) o religioso gravou um vídeo dizendo que ele precisava agradecer a Deus pelas calúnias que sofreu por ter sido envolvido no caso.

“A primeira coisa que eu tinha que ter feito era dar graças a Deus por tudo isso, porque no final tudo isso vai resultar em vitória”, declarou ele.

No entendimento do pastor, não importa as circunstâncias ou do momento. “Deus está no controle de tudo”, reafirmou ele.

VEJA TAMBÉM
Apóstolo repudia ação contra Malafaia e fala em impropérios, abuso e excesso de poder

Recentemente a Procuradoria-Geral da República na Operação Timóteo negociou uma colaboração premiada com o advogado investigado e ele declarou mais uma vez que Silas Malafaia não tinha conhecimento sobre os desvios que Pazinato realizava, ele declarou também que o valor doado como oferta não fazia parte do que foi desviado da exploração mineral.

Assista:

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal.