Júnior Geo reforça pedido de CPI do Previpalmas
Júnior Geo reforça pedido de CPI do Previpalmas

Após recolher as assinaturas obrigatórias para criação da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que investigará a aplicação de recursos do Instituto de Previdência Social do município de Palmas (Previpalmas), o vereador professor Júnior Geo cobrou, nesta quarta-feira,31, celeridade na aprovação da CPI do Previpalmas. “ As assinaturas já foram recolhidas, mas a criação dessa CPI ainda não foi colocada em pauta. Peço que a presidência desta Casa de Leis dê prioridade para esse assunto, já que fomos eleitos vereadores para fiscalizar a aplicação de recursos públicos”, destacou Geo. O vereador relembrou que os “mais de 500 milhões que se encontram no Instituto são dos servidores, e não da prefeitura”.

Na mesma sessão, Junior Geo cobrou o Plano de Manutenção, Operação e Controle (PMOC) para o sistema de ar condicionado da Câmara Municipal de Palmas. “ Não temos esse plano em nosso prédio para garantir a qualidade do ambiente e a saúde das pessoas. É válido para sistemas de climatização com capacidade acima de 60.000 BTU e seu não for cumprido pode render em uma multa de até R$ 200 mil”, explicou o vereador.

Júnior Geo também explicou que a maioria dos prédios públicos do município não possuem o PMOC por falta de fiscalização. “ A vigilância não tem condições de fiscalizar as empresas e prédios públicos por falta veículo e falta combustível. É uma situação de ausência de fiscalização por ausência de gestão”, esclareceu.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal.