O rapper Thiagão estará presente neste sábado, 1, no evento em comemoração aos  quatro anos do projeto Nação Rap que acontecerá na praça da Arse 122. O evento de cunho evangelístico se iniciará as 17 horas com as apresentações dos grupos Família Vida Nova e Rima Profética, ambos da capital.

É a terceira vez que Thiagão vem a Palmas, o rapper que antes de sua conversão era integrante do grupo de rap do meio secular “Kamikazes do Gueto” congrega na Igreja Batista Hortência em Maringá/SC. Ele tem se dedicado a obra missionária há quatro anos, e considera- se privilegiado em compartilhar a mensagem do evangelho que transformou a sua vida. Para ele  o maior desafio no exercício do seu ministério é o de sair da zona de conforto “ O mais desafiador é sair do previsível, enquanto muitos esperam só música e gíria eu tenho investido em estudo para alcançar o maior número de pessoas. O meu desafio é romper barreiras preconceituosas de que o rap é para um grupo exclusivo de  pessoas. O rap não nos move. Ele é um meio de levar a mensagem do evangelho. O que nos move é Deus” pontua o rapper que também ministrará no domingo pela manhã no Centro de Internação de Menores de Palmas, no Case.

O projeto Nação Rap é um programa de rádio lançado há quatro anos. O seu idealizador Bruno Mendes conta que sempre foi um apreciador desse estilo musical por acreditar na mensagem que ele leva “Gosto da maneira em que o rap aborda em suas letras assuntos tão relevantes à sociedade” Bruno conta ainda que foi surpreendido com o alcance da audiência de seu programa de rádio e viu uma oportunidade de disseminar o evangelho por meio dele e foi assim que o programa passou a ser evangelístico. O até então programa de rádio estendeu – se e começou a desenvolver projetos sociais como o Hip Hop contra o Crack, Culto do Gueto, Copa Nação Rap. Neste ano de 2017, o programa foi homenageado pelos trabalhos evangelísticos realizados no estado do Tocantins durante o Congresso Aviva Hip Hop, considerado o maior encontro de hip hop cristão do Brasil.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal.