Da Redação JM Notícia

 

A Polícia Civil de Morrinhos, a 131 quilômetros de Goiânia, prendeu uma mulher de 34 anos por tentar fazer aborto estando de 8 meses de gravidez.

No último sábado (15), a mulher procurou atendimento em uma unidade de saúde sentindo fortes dores abdominais. Durante o atendimento, os médicos encontraram comprimidos utilizados para abortar dentro do canal vaginal da paciente.

A mulher confessou que comprou os medicamentos de forma clandestina em Goiânia e pagou por eles R$ 200. Ela alegou, porém, que não sabia que estava de 32ª semanas.

A mulher teve uma menina que nasceu de 1,5 kg e foi encaminhada para o Hospital Materno-Infantil de Goiânia, onde permanece internada em estado regular, segundo reportagem do UOL.

A mulher foi autuada em flagrante, mas não ficou presa por pagar fiança. Agora ela responderá o processo em liberdade.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal.