Da Redação JM Notícia

Estreou nesta quinta-feira  (14) o filme “Em Defesa de Cristo”, longa baseado em fatos reais, contando a vida de um jornalista ateu que sofre com a conversão de sua esposa e passa a enfrentar uma jornada de investigação para tentar provar que Jesus não ressuscitou.

Vários líderes religiosos conferiram o filme em primeira mão nas diversas pré-estreias que aconteceram em cidades como São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Fortaleza e outras. Muitos deles acreditam que a história do filme será uma importante ferramenta de evangelização.

Entre os pastores que recomendam o filme está o pastor Silas Malafaia, da Assembleia de Deus Vitória em Cristo. “O filme é sensacional. Recomendo que procurem as salas que estejam exibindo o filme por todo o Brasil. É uma ferramenta extraordinária para evangelizar, portanto, compre o seu ingresso e, faça ainda melhor, leve um amigo”.

O vereador da cidade de São Paulo, Rinaldi Digilio, da igreja Quadrangular, também deu seu depoimento após assistir ao filme. “A história toca ao coração e fala profundamente sobre a necessidade de mudança que temos hoje dentro das famílias no mundo todo”, disse.

VEJA TAMBÉM
Pastor da Assembleia de Deus fratura o pescoço e morre em grave acidente em Rondônia

Ainda segundo ele, com o filme podemos aprender que só Cristo pode mudar toda realidade de confusão, toda briga, trazendo paz e harmonia. “Recomendo o filme e, sinceramente é resposta das minhas orações. Contar a história de um descrente nos cinemas? É maravilhoso e impactante. Subsídio forte de convencimento para nossa geração”, completou Digilio.

O cantor Fernandinho, pastor do Ministério Faz Chover, também deixou seu depoimento: “Chorei várias vezes assistindo ao filme. Foi um renovo no meu coração conhecer essa história. Me fez lembrar do grande amor de Deus, o início de minha conversão, olha, esse filme precisa ser visto por milhares e milhares de pessoas. Tenho certeza que Deus vai falar muito com todos que forem aos cinemas assistir Em Defesa de Cristo”.

Confira os locais de exibição do filme “Em Defesa de Cristo”:

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal.