“Essa primeira visita é para tratar de assuntos de cooperação relativos ao agronegócio, agricultura e aquicultura para a produção de peixes”, afirmou o embaixador

A Secretaria de Estado do Desenvolvimento da Agricultura e Pecuária (Seagro) recebeu nesta terça-feira, 26, o ministro e embaixador de Israel, Itaí Tagner. O representante de Israel veio para conhecer a potencialidade do agronegócio do Estado e falar da possibilidade de firmar termos de cooperação para desenvolvimento de projetos no Tocantins.

Durante a visita, técnicos da Seagro apresentaram o potencial do Estado para a agricultura, pecuária e negócios no setor rural, tais como: produção de grãos como soja, milho e arroz; o rebanho bovino; área de florestas plantadas; capacidade de expansão da produção, potencial hídrico e logística. Também foi apresentado o Centro Agrotecnológico de Palmas (Agrotins), espaço mantido pelo Governo do Estado com objetivos de difundir e disseminar informações e tecnologias para atividades rurais e agronegócios.

O ministro da Agricultura e embaixador de Israel, Itaí Tagner, disse que o Tocantins tem muitas afinidades e com muitas coisas idênticas a Israel, a exemplos do clima e das terras. “Essa primeira visita é para tratar de assuntos de cooperação relativos ao agronegócio, agricultura e aquicultura para a produção de peixes”, afirmou o embaixador, acrescentando que vê no Estado potencial para desenvolver vários projetos de cooperação. Ele já confirmou a presença de Israel na Agrotins 2018.

VEJA TAMBÉM
Diante do Trono está em Israel gravando seu 18º trabalho

O secretário da Agricultura, Clemente Barros, afirmou que será feito um trabalho para um acordo de cooperação com Israel. “Vamos construir um trabalho com o nosso escritório de representação, em Brasília (DF), logicamente procurando a vontade aqui demonstrada pelo embaixador de Israel que, para nossa satisfação, já confirmou presença na próxima Agrotins”. Clemente destacou que o interesse de Israel em firmar cooperação técnica com o Tocantins evidencia o potencial produtivo e a importância do Tocantins, como também o fortalecimento econômico do setor no cenário mundial.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal.