Da Redação JM Notícia

A marca de sabão em pó OMO criou uma campanha de marketing em prol da ideologia de gênero chamando os pais para não mais separarem coisas de meninos e meninas, pois são coisas do passado.

“Brincar de casinha é coisa de menina. Andar de skate é coisa de menino. Essas regras parecem coisa do passado, não é? Deixe seu filho brincar livremente”, dizia a propaganda.

O “Comunicado urgente para pais e mães” ainda declarava a necessidade de “fazer recall de todas as brincadeiras que reforcem clichês sobre gênero”, pedindo aos responsáveis que ofereçam carrinhos para meninas e bonecas para meninos.

Após o lançamento do vídeo, a marca passou a ser criticada nas redes sociais, atraindo mais críticos do que apoiadores para esta causa. Com quase meio milhão de views no Youtube, o comercial teve 141 mil “não curti” e apenas 14 mil curtidas, o que mostra a insatisfação da população brasileira com o tema.

Assista: