Da Redação JM Notícia

O presidente Michel Temer precisará se submeter a um cateterismo nos próximos dias por conta de uma obstrução parcial em uma artéria coronária.

A notícia foi confirmada esta semana e o presidente passaria pela operação no dia 6 de outubro. Porém a votação da Câmara dos Deputados sobre a segunda denúncia contra Temer o fez adiar a cirurgia.

A votação deve ocorrer até o final deste mês e só então o presidente passará pelo procedimento. Apesar do problema, o Palácio do Planalto declarou que Temer goza de perfeita saúde.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal.