Da Redação JM Notícia

O pastor Otoni de Paula, em entrevista ao JM Notícia, afirmou que será candidato nas eleições de 2018 ao cargo de Deputado estadual pelo estado do Rio de Janeiro.

Segundo ele, a decisão foi anunciada primeiramente aos convencionais da Convenção Estadual das Assembleias de Deus do Rio de Janeiro e outros, (CEADER), COMADERJ e CEADERJ.

A pré-candidatura acontece após inúmeros pedidos feitos por amigos e colegas de ministério, que apoiaram também a eleição do filho do pastor, o também pastor Otoni de Paula Jr., considerado um dos vereadores mais atuantes no Rio de Janeiro.

Ao apresentar seu nome como pré-candidato a deputado estadual nas convenções, de acordo com Otoni de Paula, a postulação foi muito bem recebida e apoiada por diversas lideranças tais com os pastores Gesse Adriano, Luiz Carlos Machado, Luiz Carlos Miranda, Celso Brasil, Natanael Eufrásio, Aristeu Garcia, Jonas Francisco de Paula e outros.

Pastor Otoni de Paula, ao lado do filho, Otoni de Paula Jr, e o cantor Ozeias de Paula

A possível eleição de Otoni de Paula poderá ser um marco nas Assembleias de Deus do Estado do Rio de Janeiro, já que as Convenções Estaduais nunca se uniram num todo, afim de colocar em prática um projeto político para o seu seguimento.

VEJA TAMBÉM
Estudante sobrevive a tiro no RJ: "Milagre de Deus", diz mãe da jovem

Otoni de Paula, é pastor das Assembleias de Deus há 42 anos, hoje exercendo a função de pastor auxiliar, pertence a uma tradicional família evangélica, conhecida em todo o Brasil através da música, desde seus saudosos irmãos Otoniel & Oziel, e Ozeias de Paula, um dos maiores cantores evangélicos do Brasil e também por suas músicas gravadas.

Na política, o pastor já exerceu o mandato de vereador no município de Nova Iguaçu (RJ), se formando em Técnicas Legislativas pela FESP. Fora isso, Otoni de Paula é funcionário concursado da CMRJ-Câmara Municipal do Rio de Janeiro há 35 anos.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal.