Da Redação JM Notícia

Na nova versão da Base Nacional Comum Curricular o Ministério da Educação do governo Michel Temer excluiu menções à ideologia de gênero.

Segundo informações do jornal Folha de São Paulo, o assunto será abordado nas aulas de ensino religioso, onde as escolas discutirão as concepções de “gênero e sexualidade” de acordo com as tradições religiosas.

A nova versão foi encaminhada ao CNE (Conselho Nacional de Educação) na semana passada, mais precisamente no dia 29. Até o momento o MEC não divulgou as alterações. O documento passa agora por uma análise final do conselho.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal.