Da Redação JM Notícia

Missionária Maria Francisca, seu genro Altamir e a filha Aline

Na última sexta-feira (8) a missionária Maria Francisca de Souza Vaz foi assassinada dentro de sua casa no Setor Serrinha, em Redenção, no sul do Pará. Além dela, também morreu a sobrinha da missionária, Joanice Oliveira de Jesus, que estava na casa na hora do crime para participar de um culto. 

O crime aconteceu de noite e o corpo das duas mulheres foram encontrados no sábado. Maria Francisca foi encontrada com um saco de cimento na cabeça, enquanto que Joanice tinha um cabo de vassoura atravessado na boca. 

Cinco pessoas foram presas por envolvimento nos assassinatos

Nesta terça-feira (12) a polícia prendeu a filha e o genro da missionária, apontados pelos suspeitos do crime como os mandantes do assassinato, motivados por interesse financeiro. 

A filha tinha interesse na casa e em receber uma herança de R$ 200 mil. Para isso, ela teria encomendado o crime ao missionário Ricardo Pereira da Silva que recebeu R$ 5 mil para matar Maria Francisca. Ele confessou o crime. 

Além de Ricardo, também estão presos a filha de Francisca, Aline Vaz e o genro e marido de Aline, Jean Altamir Rodrigues da Silva, e Euzirene Alves de Almeida e Wesley Costa da Silva.