Da Redação JM Notícia

Em 2 de fevereiro os deputados e senadores devem retomar os trabalhos na Câmara e no Senado, e inicia-se então um ano que deve ser marcado pela votação de temas polêmicos como a reforma da Previdência. 

Um levantamento feito pelo G1 lista ao menos 20 temas que gerarão muitos debates entre os parlamentares e também na sociedade brasileira. Ao mesmo tempo que se preocuparão com a opinião pública, a maioria dos deputados e alguns senadores estarão preocupados também com a reeleição, o que pode modificar as pautas no Congresso. 

Alguns temas colocarão os parlamentares no olho do furacão como a própria reforma da Previdência, além de temas que causam discussões como a redução da maioridade penal, o casamento entre pessoas do mesmo sexo, a defesa à vida desde a concepção (o que proibiria o aborto), as alterações no Estatuto do Desarmamento, entre outras. 

 

Confira a lista de temas a serem votados em 2018: 

  1. Reforma da Previdência; 
  2. Cassação de Maluf; 
  3. Conselho de Ética – Conduta do deputado Lúcio Vieira Lima (PMDB-BA); 
  4. PEC que impede que a União pegue dinheiro emprestado para pagar despesas de custeio; 
  5. Fim do foro privilegiado; 
  6. Teto do funcionalismo; 
  7. Casamento entre pessoas do mesmo sexo; 
  8. Medida Provisória sobre a reforma trabalhista; 
  9. Proposta pelo fim da desoneração da folha de pagamento; 
  10. Tributação de fundos exclusivos; 
  11. PL que libera a exploração de jogos de azar; 
  12. Regulamentação dos aplicativos de transporte individual (Uber, Cabify, 99 Pop e outros); 
  13. Licença-maternidade e direito à vida; 
  14. Autonomia da Polícia Federal; 
  15. Estatuto do desarmamento; 
  16. Maioridade penal; 
  17. Reajuste de servidores; 
  18. Mudanças nas regras dos planos de saúde; 
  19. PEC sobre trabalho escravo; 
  20. Privatização da Eletrobras.