Da Redação JM Notícia

O pastor Silas Malafaia está processando o youtuber Felipe Neto

No ano passado o youtuber Felipe Neto gravou um vídeo criticando o pastor Silas Malafaia por conta de sua opinião contrária a um desenho da Disney que promove a causa gay tendo as crianças como público alvo.

Malafaia pedia o boicote à Disney, assim como ele fez em outras ocasiões contra grupos e empresas que promovem o movimento LGBT, tanto em relação a relacionamentos, quanto a imposição da ideologia de gênero.

Mas no vídeo o influenciador digital, com mais de 18 milhões de seguidores no Youtube, diz que Silas Malafaia é “canastrão” e que “explora a fé das pessoas para enriquecer”.

Segundo o jornal O Globo, Malafaia resolveu levar o caso à Justiça e entrou com uma queixa-crime onde acusa o youtuber de calúnia, injúria e difamação. O vídeo em que Felipe Neto acusa Malafaia de enriquecer tirando dinheiro dos fiéis tem mais de três milhões de visualizações.